quinta-feira, 25 julho , 2024
Início Autores Postagens por Redação SC

Redação SC

Explorando as raízes e as paixões por trás de um retrato do Rio Tubarão: o autor e suas motivações

0

por Luiz Albertino Nunes (*),

Sou natural de Tubarão, nascido na localidade de Pinheiros, popularmente conhecida como “Km 60”, há muitos anos. Venho de uma família numerosa, sou o décimo segundo filho de uma ninhada de dezessete. Convenhamos, mesmo para a época do rádio, ter tantos filhos não era comum, especialmente se considerarmos os abortos e as tentativas que não vingaram. Graças a Deus, meus pais, muito religiosos, foram praticantes convictos da mensagem bíblica: crescei e multiplicai-vos.

Durante os anos que vivi em Tubarão, antes da enchente de 1974, mantive uma conexão quase que diária com o Rio, desfrutando de banhos escondidos e muitas pescarias. Lembro-me com saudades dos cercos que fazíamos com seixos rolados, para captura de piavas (lambaris) nos meses de janeiro e fevereiro, quando cobrávamos do Rio o nosso quinhão, haja vista a fartura de peixes que subiam o seu leito, não sei se em busca de melhores águas para reprodução, ou se era apenas a mão do Criador replicando a multiplicação dos pães e peixes, na mesa de tantos e necessitados ribeirinhos.

O texto sobre o Rio Tubarão, onde procurei descrever os vários papéis desempenhados pelo Rio, talvez explique a visão singular que tenho do mesmo. É lamentável ver o Rio, que é o coração de nossa cidade, ser ignorado e maltratado, enquanto tantos outros, pelo mundo afora, são enaltecidos, como na frase de Heródoto: “o Egito é uma dádiva do Nilo”.

Espero com essa iniciativa, e no momento em que completarmos 50 anos da maior enchente que já enfrentamos, lançar algumas sementes em solo fértil, para que germinem e deem muitos frutos, e que o Rio venha receber o respeito que merece, pois ele é o quintal de nossas casas, parte do que somos.

Em Marcos 6:4, Jesus diz: “Só em sua própria terra, entre seus parentes e em sua própria casa, é que um profeta não tem honra”. Portanto, sabemos que nada é fácil, mas o vergonhoso não é desistir, é não tentar fazer.

Vamos à reflexão:

RIO TUBARÃO, VIDA E FUTURO!

“Lembro-me ainda da magnífica impressão que tive desta abençoada terra, a primeira vez que aqui cheguei…….. Fiquei extasiado ante a beleza do Rio Tubarão, cujas águas serenas espelhavam o firmamento e as árvores que povoam as suas margens, dando um tom celestial ao panorama assim constituído. Alexandrino Barreto (Xandóca) – Relato da viagem inaugural da Estrada de Ferro Dona Teresa Cristina – set. /1884*

Apesar da minha pouca intimidade com a nossa “Última Flor do Lácio”, espero que todos que tomarem conhecimento destas modestas linhas, possam sentir a importância e os encantos do velho “Tubá-nharô”, na história que permeia o desenvolvimento de nossa região e na vida de cada um de seus conterrâneos.

A bacia hidrográfica do Rio Tubarão abrange 18 municípios e ocupa uma área de aproximadamente 4.800km², na região Sul de Santa Catarina. O Rio nasce nas encostas da Serra Geral, em Lauro Muller, e segue seu destino até se encontrar com a Lagoa de Santo Antônio, “dos Anjos de Laguna”, após percorrer 120 km.

Governo de SC Divulgação Notisul Digital

Rio dos habilidosos canoeiros da grande nação Guarani, nossos primeiros habitantes; das lavadeiras de outrora com seus “painéis” de roupas coloridas enfeitando suas margens, oscilando ao sabor dos ventos em varais improvisados, esperando a natureza evaporar os seus excessos.

Rio, habitat natural de rica diversidade, dos lambaris, carapicus, traíras, cascudos e tantas outras iguarias usadas na dieta dos ribeirinhos; dos bandos de biguás, pescadores implacáveis; do frango d’água e da garça furtiva, na espreita do bote certo em suas vítimas.

Rio cuja navegação facilitou o intercâmbio de produtos entre a Serra e o Litoral, charque, queijo, tecido e sal, dia e noite circulando em seu leito, subindo e descendo seus meandros, fomentando os tradicionais “Secos e Molhados”, bem como a integração e o desenvolvimento de toda região, nos primórdios da colonização.

Rio que durante décadas rivalizou em importância e grandeza com a nossa velha “Maria Fumaça”, que serpenteando as suas encostas e desafiando suas águas, subia até o pé da Serra, transportando pessoas e espalhando progresso, em busca do carvão mineral, seu objetivo maior, verdadeiro maná de sua época.

Museu Ferroviário Divulgação Notisul Digital

Rio de muitos braços e abraços, do Rio da Madre agonizante, de Morrinhos, terra de bravos, de onde partiu Ana Maria de Jesus, que após lutar por nós e pelo mundo, como Anita Garibaldi foi aclamada, nossa eterna heroína.

Rio de muitas alegrias e serventias, da pesca esportiva e do pão de cada dia, do banho refrescante nas tardes de Verão, da brisa que ameniza o calor e a fadiga, da água que mata a sede de pessoas e animais, que é vida e sustento há muitas gerações.

Rio que reflete a beleza da lua cheia e a imensidão azul do céu, que dá nome e adjetiva a nossa “Cidade Azul”, que nasceu dividida pelas águas de seu leito, para que melhor pudéssemos apreciar à passagem de sua majestade.

Notisul Digital

Rio que encanta e apaixona corações e mentes, que é lembrado em prosa e verso por “poetas de lua cheia”, buscando nas aragens de seus eflúvios, inspiração para se fazerem mais fortes no coração da pessoa amada.

Rio dos salgueiros-chorões com seus galhos acariciando o seu leito, de frondosas árvores embelezando suas margens, bebendo diariamente da fartura de seu seio, a seiva que sustenta as nossas vidas.

Rio de águas serenas e de graciosas cachoeiras e cascatas que nos proporcionam lazer, turismo, esporte e diversão, verdadeiras obras primas que a natureza lapidou, beleza cênica de difícil reprodução.

Rio ponteado de arcos a cruzarem seu caminho, com suas veredas margeando o seu leito, protegidas pelo entrelaçamento de imponentes árvores, verdadeiras academias a céu aberto, fonte de lazer e bem-estar, para deleite de todos.

FOTO Notisul Digital

Rio que nos traz a certeza do desenvolvimento de nossa região, seja aproveitando a força de suas águas na geração de energia renovável, ou alimentando e resfriando o ciclo do vapor, no grande complexo termoelétrico situado às suas margens.

Rio que abastece com o néctar de suas entranhas indústrias, comércios e residências, bem como as atividades relacionadas com a agricultura e criação animal, gerando milhares de empregos, diretos e indiretos, impactando de forma significativa a geração de renda e os indicadores sociais.

Rio dos mineradores de areia, argila e seixo rolado, usados como matéria-prima na pavimentação de nossos caminhos, na edificação de nossos lares e na realização de nossos sonhos.

Rio que nas enchentes abandona a sua calha natural, revitalizando todo o seu entorno, trazendo vida nova ao solo e ao leito mineral exauridos, permitindo que as atividades extrativistas continuem sendo praticadas, com reflexos em toda cadeia produtiva.

Rio que externa os efeitos de obras mal planejadas e daquelas necessárias, mas nunca implementadas; que sofre com o assoreamento intensificado pela ação humana devido a ocupação desordenada de sua calha de enchente, e o desmatamento de encostas e nascentes.

Rio que não respeita a propriedade privada quando situada em suas margens, principalmente aquelas edificações que procuram uma intimidade desrespeitosa, ocupando a sua mata ciliar, obstruindo a sua passagem.

Rio que nos lembra tragédia, dor e sofrimento, quando em seus momentos de fúria nos parece cobrar além da conta pelo seu abandono e uso indevido, na diluição e acolhimento de esgotos e demais cargas tóxicas, gerados em toda a bacia.

Rio que traçou o meu destino e de milhares de conterrâneos, impactados pela fúria avassaladora das águas de março de 1974, quando usou para escoar os seus excessos, as planícies de seu entorno, mesmo aquelas nunca antes visitadas.

Rio que nos garante um futuro brilhante na abundância de suas águas, verdadeiro tesouro do século XXI, recurso essencial para a sustentação da vida, cuja escassez alimenta conflitos pelo mundo afora e em muitas regiões do Brasil.

Esse foi o rio que me viu menino, testemunha silenciosa do meu caminhar, e sempre que retorno às suas margens me recordo criança, admirando sua passagem na direção do além, pois não sabia do mar, apenas o que nos foi ensinado: Quem serve a terra, da terra será escravo.

Enquanto houver água, haverá vida, futuro e paz. Viva Tubarão, o Rio, a Cidade e todos Nós!

“A vida é como a travessia de um rio, a gente mira um ponto na outra margem, mas a correnteza nos leva para um lugar bem distante”. Guimarães Rosa

(*) Luiz Albertino Nunes, nascido em 24/07/1954.

P.S.: Quando lembro que a catástrofe de março/74 foi, de certa forma, a mão invisível que me levou para os braços de meus maravilhosos filhos e netos, que vieram à luz em terras distantes, e que daquele cenário de tanta destruição, como a fênix, muitos ressurgiriam mais fortes, penso no Todo-Poderoso, com muita humildade e emoção, tomado do mais profundo respeito e gratidão. Por outro lado, não poderia esquecer das 199 vítimas, que por motivos que fogem a nossa compreensão, tiveram as suas jornadas encurtadas, inclusive muitos inocentes que mal tinham desabrochado para a vida. A todos os enlutados, os meus mais sinceros sentimentos de pesar e solidariedade, pois a passagem do tempo ameniza a dor, mas a saudade é eterna.

Marrocos vence a Argentina nas Olimpíadas com polêmica nos acréscimos

0

Na manhã desta quarta-feira (23), no estádio Geoffroy Guichard, em Saint-Étienne, Marrocos venceu a Argentina por 2 a 1 na primeira rodada do grupo B do futebol masculino nas Olimpíadas. A partida foi marcada por acréscimos exagerados, um gol anulado e uma polêmica decisão final.

Polêmica antes do início do jogo

Antes de a bola rolar, a torcida francesa presente no estádio vaiou o hino argentino, em reação a uma canção racista cantada por jogadores argentinos na comemoração da Copa América.

Marrocos abre vantagem no primeiro tempo

Com a bola rolando, o primeiro tempo teve poucas emoções. Aos 46 minutos, Akhomach deu um passe brilhante para El Khannouss, que cruzou para Rahimi marcar o primeiro gol da partida.

Segundo tempo repleto de drama

No início do segundo tempo, Marrocos ampliou a vantagem com um pênalti convertido por Rahimi. A Argentina reagiu e diminuiu com um gol de Giuliano Simeone, mas a verdadeira polêmica surgiu nos acréscimos.

Acréscimos e confusão após o apito final

A arbitragem deu 15 minutos de acréscimos, e no último lance, Medina marcou para a Argentina. Porém, o gol foi anulado após uma revisão do VAR. A torcida marroquina invadiu o campo, gerando confusão. Após quase duas horas de análise, a partida recomeçou com portões fechados e Marrocos confirmou a vitória.

 

Pelo Estado: Arquivamento de pedido prova a força de Gean

0

Martelo batido e Gean Loureiro venceu o cabo de guerra contra os vereadores e deputados do União Brasil, que pediram uma intervenção para tirar do comando o ex-prefeito da Capital e sua turma, que decidiram, de última hora, retirar o apoio ao atual prefeito, Topázio Neto (PSD) e ficar ao lado de Dário Berger (PMDB) na disputa pela prefeitura de Florianópolis.

O arquivamento do pedido, realizado na última terça-feira, 23, sem nem mesmo ser lido, afinal, a convenção já havia sido realizada, deixou claro que Gean Loureiro e Dário Berger, que é ex-senador da república, ainda têm bastante prestígio com o pessoal de Brasília. Resta saber agora como se posicionarão os parlamentares que pediram o afastamento de Gean do comando do União Brasil, se seguirão o partido ou se o enfrentará para caminhar ao lado de Topázio.

A disputa Dário/Gean x Topázio já pode ser considerada uma das maiores destas eleições e, como disse Gean em um de seus últimos vídeos publicados nas redes sociais (que é o maior palanque eleitoral atualmente), começou a campanha!

E, junto com ela, os ataques aos oponentes com direito a vídeos expondo falhas, infrações e frustrações dos candidatos. O eleitor precisará estar munido de boas informações e percepções da cidade para não se deixar contaminar pelo conteúdo de baixo nível e com nada a agregar que está vindo por aí.

Candidato do PT

Décio Lima deixou claro aos petistas da Capital que o partido tem força para ter um candidato próprio para a prefeitura de Florianópolis. O presidente de Sebrae, e do partido em Santa Catarina, publicou uma carta aberta defendendo sua posição e apresentando números que comprovam a forte presença do Governo Federal no Estado. Trocando em miúdos, a candidatura do ex-vereador Lela, que já foi “aprovado” por Lula, vem aí!

Crea SC

Com o mote “O CREA-SC está na vida dos catarinenses”, o Crea SC lançou uma campanha para destacar o papel e relevância do Conselho na vida da população catarinense, apresentando situações do cotidiano que reforçam a presença dos profissionais da engenharia, agronomia e geociências em todos os momentos.

Com abrangência estadual, a campanha será veiculada de julho até o final de 2024 nas principais redes de televisão de Santa Catarina, além de rádios, jornais impressos e plataformas digitais. Materiais gráficos e institucionais também farão parte da divulgação.

São José

MDB, Republicanos e União Brasil estarão ao lado de Orvino Coelho (PSD) na campanha para reeleição em São José. A convenção que homologou sua candidatura foi realizada nesta terça-feira, 23, e confirmou Michel Schlemper como o vice na chapa que irá concorrer com Adeliana Dal Pont, candidata do PL. Esse é mais um caso em que a criatura passa a competir como o criador. E o mais curioso é que mesmo o município tendo candidato pelo partido de Bolsonaro, Orvino fez questão de associar sua imagem com a do ex-presidente.

Saúde

O governador Jorginho Mello (PL) e secretário de Estado da Saúde, Diogo Demarchi Silva, participarão do ato de autorização dos serviços no Hospital e Maternidade São Miguel de Joaçaba via Sistema Único de Saúde (SUS), nesta quinta-feira, 25. O Governo do Estado vai garantir o custeio, via contratualização com a SES, para o funcionamento de leitos de UTI e realização de cirurgias eletivas. O Hospital é privado, administrado pelo IMAS, e passará a atender pelo SUS a partir da assinatura de contrato com a Secretaria de Estado da Saúde.

Agenda no RS

O ex-presidente Jair Bolsonaro atravessou Santa Catarina para cumprir agenda no Rio Grande do Sul. Ele chegou nesta quarta-feira, 24, em Jaguaruna, e seguiu de carro para o estado gaúcho, que segue com o aeroporto principal interditado devido às enchentes. Na manhã de quinta, 25, ele segue para a Serra Gaúcha. Bolsonaro participa de eventos em Porto Alegre, Caxias do Sul e Santa Cruz do Sul.

Fetrancesc

A Fetrancesc apresentou para a secretária nacional de Transportes Rodoviários, Viviane Esse, a pauta prioritária da entidade que defende a construção de uma rodovia litorânea, alternativa à BR-101, ligando Joinville ao Contorno Viário da Grande Florianópolis.

Segundo o presidente da Fetrancesc, Dagnor Schneider, o plano de obras proposto pela concessionária Arteris na prorrogação do contrato por mais 15 anos não é suficiente para atender a demanda do trecho Norte da BR-101 a longo prazo. Ele ainda salientou que parte dessas obras já deveria ter sido contemplada anos atrás, evitando que Santa Catarina sofresse com alto número de acidentes e congestionamentos diários.

Sobre a possibilidade de construir uma nova rodovia no Litoral, a secretária disse ser totalmente possível, desde que o projeto seja inscrito no PAC mirando uma parceria público-privada.

 

 

Correios lança concurso com salário de até R$ 6,8 mil

0

Os Correios anunciaram a abertura de um novo concurso público para 33 vagas nas áreas de medicina e segurança do trabalho. As inscrições vão de 7 de agosto a 8 de setembro, e as provas estão marcadas para 13 de outubro.

Vagas e detalhes do concurso

O concurso oferece vagas para diversos cargos e níveis de formação, com salários atrativos.

  • Vagas para técnico em segurança do trabalho, engenheiro do trabalho, enfermeiro e médico.
  • Salários variam de R$ 3.672,84 a R$ 6.872,48.
  • Inscrições custam R$ 70 e devem ser feitas no site do Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades).
  • Provas serão realizadas em 13 de outubro.

Inclusão e diversidade

O edital do concurso dos Correios prevê cotas para garantir a inclusão e diversidade entre os candidatos.

  • 10% das vagas são reservadas para pessoas com deficiência.
  • 20% das vagas são reservadas para pessoas negras.
  • Contratações seguem o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Resultados e contratações

Os resultados finais do concurso serão divulgados em 20 de novembro, com as primeiras contratações previstas ainda para este ano.

 

Novo senador por SC: Beto Martins assume após licença de Ivete da Silveira

0

Beto Martins, atual secretário de Portos e Aeroportos de Santa Catarina, assumirá o cargo de senador por 120 dias, após a licença oficializada por Ivete da Silveira. A mudança ocorre para que Ivete possa atuar nas campanhas eleitorais municipais.

Beto Martins assume o cargo temporariamente

Beto Martins, que é ex-prefeito de Imbituba, foi o segundo suplente da chapa eleita em 2018. Ivete da Silveira, de 81 anos, justificou a licença para se dedicar às campanhas eleitorais.

Quem é Beto Martins

José Roberto Martins é um empresário do setor de Logística e já ocupou cargos públicos como vereador e prefeito de Imbituba. Fora do setor público, atuou em entidades empresariais e empresas do ramo logístico.

Mudanças no Senado de Santa Catarina

Com a licença de Ivete da Silveira, Santa Catarina terá Beto Martins como representante no Senado junto com Esperidião Amin (Progressistas) e Jorge Seif (PL).

 

Hemosc acumula 2 milhões de bolsas de sangue em 37 anos

0

O Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (Hemosc) celebra seu 37º aniversário com a marca impressionante de mais de 2 milhões de bolsas de sangue coletadas e transfundidas. A instituição é referência nacional em qualidade, sendo o único hemocentro do país com tripla certificação.

Mais de 18 mil candidatos à doação em seis meses

De janeiro a 30 de junho deste ano, o Hemosc recebeu mais de 18 mil candidatos à doação e realizou mais de 8 mil transfusões, destacando-se pela solidariedade dos catarinenses.

Evolução e inovação contínuas

O Hemosc tem se reinventado continuamente, aprimorando processos com tecnologia e conscientização social sobre a importância da doação de sangue. A diretora Patrícia Carsten enfatiza a constante busca por melhorias para atender à demanda.

Confraternização pelos 37 anos

Para comemorar a data, a direção do Hemosc, a Fahece e a Secretaria de Estado da Saúde se reuniram com os colaboradores. A celebração incluiu um bolo para doadores e pacientes, além da inauguração da galeria digital de ex-diretores no site oficial do Hemosc.

 

Ato pró-governo será realizado em Laguna no sábado

0

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de Laguna convocou um ato em apoio ao governo de Luiz Inácio Lula da Silva para o próximo sábado, 27 de julho. Esta será a primeira manifestação de apoio à gestão de Lula no município desde o início de seu terceiro mandato.

Primeiro ato pró-Lula em Laguna desde 2023

O evento, organizado pelo PT de Laguna, tem como objetivo divulgar as ações do governo Lula com foco especial no estado de Santa Catarina. A manifestação marca a primeira demonstração pública de apoio à gestão de Lula na cidade desde que ele assumiu o cargo em janeiro de 2023.

Enfoque nas ações do governo em Santa Catarina

A direção petista pretende utilizar o ato para destacar as principais ações e projetos do governo federal que impactam diretamente Santa Catarina. A manifestação busca mobilizar a população local e reforçar o apoio ao presidente.

Lula em Laguna: histórica única visita oficial

Luiz Inácio Lula da Silva fez uma única visita oficial a Laguna durante seus três mandatos como presidente. A visita aconteceu em 2006 e foi registrada por Ricardo Stuckert, fotógrafo oficial do governo. Desde então, a cidade não havia sediado nenhum ato oficial de apoio à sua gestão.

Haddad defende taxação de super-ricos no G20

0

No evento do G20 no Rio de Janeiro, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, defendeu a ampliação da taxação sobre as pessoas mais ricas como forma justa de combater a fome e a pobreza.

Haddad reforça importância da vontade política

Haddad destacou que a fome e a pobreza não são inevitáveis, mas sim resultados de escolhas políticas. Ele afirmou que a comunidade internacional pode garantir uma existência digna para todos, mas falta vontade política para resolver esses problemas. Além disso, ressaltou que a aliança internacional conectará fundos para um trabalho mais coordenado.

Impactos positivos da inclusão social

O ministro ressaltou que incluir os pobres no orçamento traz benefícios econômicos e sociais. Ele explicou que combater a desigualdade melhora a economia, que a aliança usará fundos já existentes para garantir eficiência e que investir nos pobres é um ótimo investimento econômico.

Lula apoia taxação de grandes fortunas

O presidente Lula também defendeu a taxação de grandes fortunas durante o evento. Ele apontou que a riqueza dos bilionários aumentou de 4% para 14% do PIB mundial e que os super-ricos pagam menos impostos proporcionalmente do que os trabalhadores. Além disso, enfatizou que a cooperação internacional é necessária para estabelecer padrões de tributação global.

Pobreza extrema em alta desde 2019

O ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, destacou que a pobreza extrema aumentou desde 2019 e ainda não retomou a queda após a pandemia de Covid-19. Ele enfatizou a necessidade de vontade política para combater a fome e a pobreza, bem como a coordenação internacional para resolver esses problemas.

Lula considera dados da ONU sobre fome “estarrecedores” no G20

0

No evento do G20 no Rio de Janeiro, o presidente Lula classificou como “estarrecedores” os dados da ONU sobre a fome global e afirmou que a fome é resultado de “escolhas políticas”.

Aumento da fome no mundo

Lula destacou um relatório da ONU que revela que 733,4 milhões de pessoas passaram fome em 2023. Ele ressaltou que 1 em cada 11 habitantes do mundo sofreu com a fome. Na África, a situação é ainda pior, com 1 em cada 5 cidadãos afetados. Além disso, a pobreza extrema aumentou pela primeira vez em décadas, com 152 milhões de novos casos desde 2019.

Brasil fora do Mapa da Fome até 2026

Durante o discurso, Lula afirmou que o Brasil sairá do Mapa da Fome até o fim de seu mandato, em 2026. Ele enfatizou que o mundo produz alimentos suficientes para erradicar a fome e que esta decorre de escolhas políticas e falta de acesso aos alimentos. Além disso, criticou os gastos globais com armamentos, que subiram 7% no último ano, atingindo 2,4 trilhões de dólares.

Aliança Global Contra a Fome e a Pobreza

Lula anunciou a criação de uma Aliança Global Contra a Fome e a Pobreza, que terá secretariados em Roma e Brasília. Ele explicou que metade dos custos será coberta pelo Brasil e que a estrutura será pequena, eficiente e provisória, operando até 2030. A aliança será lançada oficialmente na cúpula do G20 em novembro, no Rio de Janeiro.

TJSC confirma que maior afeição por essa ou aquela cidade não ampara mudança de naturalidade em certidão

0
O Tribunal de Justiça de Santa Catarina negou o pedido de retificação de naturalidade no registro civil de uma mulher que nasceu em Caçador, mas viveu toda sua vida em Lebon Régis.

Insatisfação subjetiva não justifica mudança de naturalidade

A mulher argumentou que nunca teve laços com Caçador e sempre viveu em Lebon Régis. No entanto, o Tribunal de Justiça considerou que:

  • A naturalidade está vinculada ao local de nascimento.
  • Não houve erro de registro ou circunstância excepcional.
  • A integridade do sistema de registro civil deve ser preservada.

Direito de inserção de sobrenome materno foi garantido

Apesar da negativa sobre a naturalidade, a mulher conseguiu a inclusão do sobrenome materno em sua certidão. A decisão considerou:

  • O direito de personalidade e identificação com o ramo materno.
  • Princípios da verdade real e segurança jurídica.

Legislação vigente sobre naturalidade

A legislação permite que a naturalidade seja definida pelo local de nascimento ou residência da mãe no momento do nascimento. Após o registro inicial, mudanças só podem ser feitas judicialmente.

 

Verified by MonsterInsights