Pelo terceiro mês consecutivo a Laguna de Cabeçudas, em Laguna, é o único ponto da região considerado impróprio para o banho. Ao todo, é analisada a qualidade da água em 23 localidades entre Garopaba e Jaguaruna.

A última vez que a Lagoa de cabeçuda esteve própria para banho foi em outubro. Desde o primeiro relatório semanal, em novembro, o lugar não tem qualidade na água.

No Estado, dos 231 pontos analisados, 185 estão próprios para banho em Santa Catarina, o que representa 80,1% dos pontos onde as condições das águas são analisadas.

O monitoramento da qualidade da água do mar e a divulgação dos resultados das pesquisas são realizados pelo Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA) há mais de 40 anos. O intuito é orientar os moradores e turistas sobre quais locais estão próprios ou não para banho na costa de Santa Catarina.

Durante a baixa temporada, de abril a outubro, o monitoramento da balneabilidade é realizado mensalmente. Já de novembro a março, na alta temporada, os resultados das amostras são divulgados todas as semanas, sempre às sextas-feiras no período vespertino.

Todos os dados e o histórico das coletas podem ser acessados na íntegra através do site balneabilidade.ima.sc.gov.br ou pelo aplicativo Praia Segura.

 

Confira a sua cidade:

Garopaba

Balneário Ponto de coleta Situação
Lagoa da Ferrugem À direita do acesso principal Própria
Praia do Vigia Em frente ao acesso principal Própria
Praia de Garopaba Rua Lauro Müller Própria
Praia da Garopaba Em frente a praça Própria
Praia do Siriú Estrada Geral Própria

 

Imbituba

Balneário Ponto de coleta Situação
Lagoa de Ibiraquera Próximo à boca da barra Própria
Praia da Ribanceira Rua Joao Martins, Salva Vidas Própria
Praia da Vila Nova Rua Francisco Moreira Alves Própria
Praia da Vila Nova Rua Hans de Schimidt Própria
Praia de Ibiraquera 100 m ao sul da boca da barra Própria
Praia do Porto Esquerda do molhe central Própria
Praia do Porto Próximo ao navio encalhado Própria
Praia do Rosa Canto sul Própria

 

Jaguaruna

Balneário Local de coleta Situação
Canal do Camacho Próximo à ponte Própria
Lagoa do Arroio Corrente Entrada de água do Chuveirão Própria
Praia do Arroio Corrente 300 m ao sul da foz do arroio Própria

 

Laguna

Balneário Ponto de coleta Situação
Lagoa de Cabeçudas Em frente ao Km 313 da BR-101 Imprópria
Praia da Teresa No meio da praia Própria
Praia de Itapirubá 100 m do costão sul Própria
Praia do Cardoso Extrema esquerda da praia Própria
Praia do Gí Em frente ao Salva Vidas Própria
Praia do Mar Grosso Frente ao emissário da Casan Própria
Prainha do Farol Na entrada da praia Própria

 

 

Quando um local é próprio ou impróprio?
Para determinar se um determinado ponto é considera bom ou ruim para banhistas, o Ima utiliza como base de classificação da resolução nº 274/2000 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Um ponto é considerado próprio para banho quando em 80% ou mais de um conjunto de amostras coletadas nas últimas 5 semanas anteriores, no mesmo local, houver no máximo 800 Escherichia coli por 100 mililitros.

Quando em mais de 20% de um conjunto de amostras coletadas nas últimas 5 semanas anteriores, no mesmo local, for superior a 800 Escherichia coli por 100 mililitros ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2000 Escherichia coli por 100 mililitros, o local é considerado impróprio para banho.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul