A plataforma pode ser acessada pelo computador e smartphone. Os estudantes que não têm acesso à internet, podem usar computadores da própria escola no contraturno escolar - Foto: Prefeitura de Braço do Norte | Divulgação

Na manhã desta quarta-feira (23), o prefeito de Braço do Norte, Beto Kuerten Marcelino voltou a ser aluno. Ele foi conferir o andamento do Clube Aluno, a rede de apoio pedagógico online implantada no ensino municipal da cidade, e acabou recebendo uma aula das crianças da Escola Municipal Pedro Marcolino Gesser, no bairro Vila Nova, de como a plataforma funciona. No momento, os estudantes do 4º ao 9ª ano têm acesso à ferramenta.

“É muito bom ver o interesse deles e dos professores”, valoriza Beto, que aprendeu como funciona o Clubix. “Na prática, quanto mais acesso das crianças na plataforma, mais tarefas elas vão realizando. Como recompensa, elas ganham moedas que podem ser trocadas por jogos. “Essa é apenas uma das novidades desse ano e foi uma grande aposta que fizemos para alavancar ainda mais a qualidade da nossa educação”, afirma o prefeito.

Prefeito Beto foi para conferir se os alunos e professores estão se adaptando à novidade e acabou recendo uma aula de como a plataforma funciona – Prefeitura de Braço do Norte | Divulgação

O funcionamento do Clube Aluno é bem simples. A plataforma pode ser acessada pelo computador ou no smartphone e, por meio dela, os alunos podem esclarecer dúvidas e também reforçar o conteúdo aprendido em sala de aula. As aulas e os questionamentos são respondido pelos próprios professores. Mais do que uma possibilidade de melhorar a qualidade do ensino, o investimento, de R$ 450 mil por ano, proporciona que as crianças tenham acesso ao mundo digital, algo imprescindível para o futuro.

Atualmente, 90% dos alunos das escolas municipais de Braço do Norte têm acesso à internet. Contudo, aqueles que não dispõem de computador ou smartphone não estão desamparados e também têm oportunidade de acessar os benefícios do Clube Aluno da própria escola, onde computadores ficam à disposição deles no contraturno escolar. O investimento também visa com que os alunos melhorem seu desempenho acadêmico e, com isso, o município aumente seu Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), pois dessa forma mais recursos federais podem ser acessados.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul