O responsável por divulgar Fake News no último domingo (25), sobre um suposto homicídio no município de São Ludgero, foi identificado e detido nesta terça-feira (27). A ação foi da Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de São Ludgero.

Os áudios divulgados por aplicativos de mensagens relatavam que um morador do município teria agredido duas pessoas com facadas, resultando em um homicídio consumado e em outro tentado.

Por conta disso, a Polícia Civil foi acionada para verificar a veracidade das mensagens e constatou se tratar de Fake News. A falsa notícia gerou grande repercussão no município e região, por conta da gravidade da notícia.

Após o registro do boletim de ocorrência um procedimento policial foi imediatamente instaurado para apurar o crime de calúnia e realizadas diligências a fim de identificar autoria. Após diligências investigativas, na tarde de ontem (27), o autor foi identificado e ouvido na delegacia.

A Polícia Civil alerta que as Fake News podem configurar diversos crimes, entre eles, calúnia, injúria e difamação. Além disso, quando o crime é cometido ou divulgado em quaisquer modalidade das redes sociais a pena aplica-se em triplo.

O trabalho policial ainda está em andamento e depois de concluído será encaminhado ao Judiciário. As ações foram coordenados pelo Delegado de Polícia Eder Matte.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul