Com o forte impacto, o Ford Ka em que estava o radialista foi arremessado para fora da pista. Foto: Samuel Madeira/Sul in Foco/Notisul
Com o forte impacto, o Ford Ka em que estava o radialista foi arremessado para fora da pista. Foto: Samuel Madeira/Sul in Foco/Notisul

Mirna Graciela
Orleans

Em menos de três dias, duas pessoas perderam a vida na SC-438, considerada uma das mais perigosas da região. O comunicador Sandro de Souza, de 34 anos, da Rádio Cruz de Malta, de Lauro Müller, morreu após um acidente, neste sábado.
O radialista dirigia seu Ford Ka, com placas de Lauro Müller, por volta das 18h30min. Ele colidiu de frente com uma caminhonete Ford F-250, de Tubarão, conduzida por um homem de 69 anos, que trafegava no sentido Orleans. O homem saiu ileso.

No carro de Sandro haviam dois adolescentes, de 15 e 17 anos. O mais novo estava consciente e sofreu escoriações. Já o outro foi encontrado desacordado e com fraturas em alguns membros do corpo. Eles foram levados ao Hospital Municipal Santa Otília, de Orleans.

Com o forte impacto, o Ford Ka foi arremessado para fora da pista e caiu em um barranco. O carro de Sandro parou em um local que dificultou a remoção. Equipes do serviço de atendimento médico de urgência (Samu), dos bombeiros e da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) trabalharam no resgate das vítimas.

Mais de 20 profissionais foram mobilizados. Sandro foi retirado das ferragens com vida, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu ao chegar na instituição hospitalar. Segundo a PMRv, um pouco antes do acidente uma garoa fina havia caído na região.
Na última quinta-feira, Samuel Cordeiro Dias, de 19 anos, faleceu após uma batida na SC-438, próximo à divisa de Orleans com Lauro Müller. Ele pilotava uma motocicleta, quando bateu de frente com uma caminhonete Blazer.

Família, amigos e ouvintes se despedem de Sandro

A população de Lauro Müller acordou abalada, ontem, com a notícia da morte do radialista Sandro de Souza, de 34 anos. Parentes, amigos e ouvintes se despediram em um culto na igreja assembléia de Deus, na localidade de Itanema.
Centenas de pessoas também foram ao Cemitério São Sebastião, em Barro Branco, dar o último adeus ao comunicador. Sandro iniciou sua carreira na Rádio Cruz de Malta, onde apresentava um programa musical.

Logo ganhou destaque e atualmente fazia parte da equipe de jornalismo da emissora que, ontem, de luto, transmitiu apenas música. Participava dos programas ‘Chamada Geral’ e do ‘Jornal da Doze’.
Ele também teve passagens pelas rádios Marconi, Urussanga FM e Machadinho FM, de Lauro Müller. O comunicador possuía um blog com informações das áreas de polícia e política. Após anos, voltou a estudar e cursava a primeira fase do curso de direito do Centro Universitário Barriga Verde, em Orleans. Sandro deixa uma filha.

Sandro participava de dois programas e tinha uma filha. Foto: Rádio Cruz de Malta/Divulgação/Notisul

Jovem de 17 anos morre em acidente

A adolescente Tais Silveira dos Santos, de 17 anos, faleceu em um acidente, na última sexta-feira, por volta das 18 horas, em Laguna. Ela era caroneira de uma motocicleta conduzida por sua irmã, de 20 anos.
As duas trafegavam na avenida João Pinho, no Mar Grosso, quando foram atingidas por um Pálio. O motorista saiu ileso. Tais foi levada com vida, pelos bombeiros, ao Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus dos Passos. Mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu minutos depois.

Sua irmã foi transferida para o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), em Tubarão. Ela apresentava suspeita de luxação no quadril e fratura de fêmur.
Diversas mensagens de manifestação de carinho e de adeus à jovem foram postadas no facebook de Tais. Sua irmã segue internada.

Tais foi conduzida com vida ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu em seguida.