Maycon Vianna
Jaguaruna

Um desmanche foi descoberto por volta das 21h10min de terça-feira, em Jaguaruna. Após denúncias anônimas, a Central de Rádio Patrulha da PM, uma operação da Polícia Militar com apoio dos policiais civis resultou na prisão em flagrante de dois homens, de 30 e 37 anos. Os investigadores descobriram um galpão com peças de caminhões na SC-442, no quilômetro 3, na localidade de Encruzo.

Quando a polícia chegou ao local, um dos suspeitos conduzia um guincho com uma cabine de um caminhão Mercedes-Benz 608. Existe a suspeita que uma quadrilha esteja atuando na região. “Continuamos as nossas investigações e existe a possibilidade de que mais pessoas estejam roubando caminhões para fazer desmanches de peças”, diz o delegado da Polícia Civil de Jaguaruna, Marcelo Bittencourt.

Os policiais militares que entraram no galpão encontraram vários chassis de caminhão com registros de furtos e peças furtadas. Segundo a PM, elas seriam levadas à Criciúma. “Provavelmente, existem mais integrantes da quadrilha no sul do estado. Eles devem comprar as peças e revendê-las. Enfim, as investigações parecem avançar bem. Por ora, sabemos que o ponto onde era feito o desmanche em Jaguaruna foi descoberto”, afirma o comandante da Polícia Militar de Jaguaruna, tenente Eduardo Moreno Person.

Os dois suspeitos que atuavam no município foram presos em flagrante e encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Jaguaruna. Após prestar depoimento ao delegado, já na manhã de ontem, eles foram encaminhados ao Presídio Regional de Tubarão. Um deles estava em posse de R$ 6 mil em cheque e dois celulares.

O galpão foi fechado e a chave entregue à Polícia Civil, juntamente com todas as peças encontradas. O trabalho de investigação dos policiais continua hoje. O intenção é prender outros possíveis envolvidos no crime.