A Polícia Civil de Armazém está apurando se houve imprudência no acidente que matou 2 peregrinos em São Martinho. De acordo com a polícia, o motorista não tinha sinais de embriaguez, mas não informou a velocidade que o carro trafegava na hora dos atropelamentos.

A polícia investiga também se os peregrinos ocupavam toda a via no momento em que o carro passou, já que o local onde aconteceu o acidente não tem acostamento.

Outro detalhe passado pela polícia é que as testemunhas relataram haver neblina muito densa naquele momento.

O Delegado de Policia de plantão analisou a situação flagrancial e decidiu que não havia elementos suficientes pra caracterizar a prisão em flagrante abrirá um inquérito policial. 

O motorista tem 38 anos. Após os atropelamentos, ele bateu o carro em uma árvore, sofreu fraturas na perna direita e nos dentes e foi encaminhado ao Hospital Santa Teresinha, em Braço do Norte.