#Pracegover Foto: na imagem há algumas pessoas
#Pracegover Foto: na imagem há algumas pessoas

Uma megaoperação foi deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) na manhã desta quarta-feira (13) em 11 cidades de Santa Catarina. O objetivo foi desarticular as ações de uma organização criminosa responsável por furtar carros de luxo no Estado.

A operação, batizada de 60 segundos, envolveu mais de 360 agentes da Polícias Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal, com apoio da Polícia Científica. Ao todo, estão sendo cumpridos 26 mandados de prisão e mais 60 mandados de busca e apreensão em cidades do Vale do Itajaí, Litoral Norte e Grande Florianópolis.

O procedimento investigatório criminal foi instaurado pela 10ª Promotoria de Justiça da Comarca de Blumenau. As prisões, buscas e apreensões acontecem nas seguintes cidades:

  • Blumenau
  • Barra Velha
  • Penha
  • Ilhota
  • Balneário Camboriú
  • São José
  • Palhoça
  • Florianópolis
  • Santo Amaro da Imperatriz
  • Águas Mornas
  • Otacílio Costa

A investigação

Os fatos são investigados em um procedimento investigatório criminal. O objetivo é desarticular uma suposta organização criminosa, responsável por furtos de automóveis de luxo e também crimes como receptação e adulteração de placa.

O nome da operação “60 Segundos” é uma alusão ao apelido de um dos investigados na operação. Ele é conhecido como “60 segundos”, pois consegue furtar um carro neste período de tempo. A operação também faz alusão ao ladrão de veículos retratado no filme 60 segundos.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: NDMais