O presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, o deputado Júlio Garcia (PSD), foi preso nesta terça-feira (19), em Florianópolis. A informação da prisão do parlamentar foi confirmada pelo seu advogado, César Abreu.

Nesta terça-feira, foi deflagrada pela Polícia Federal e Receita Federal a segunda fase da Operação Alcatraz. A ação investiga supostos crimes de corrupção, fraude em licitação, lavagem de dinheiro e organização criminosa no Estado

A operação deve cumprir 34 mandados de busca e apreensão, 11 mandados de prisão preventiva e ainda nove de prisão temporária. A iniciativa ocorre além da capital em mais dois municípios, em Joinville e Xanxerê.

Além de Garcia, que está em prisão domiciliar, o diretor da Apporti Soluções em Tecnologia, Jefferson Colombo, foi preso preventivamente. A primeira fase da operação Alcatraz foi deflagrada em maio de 2019, no entanto, as investigações tiveram início em julho de 2018.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul