O acidente envolveu dois veículos. Willian Fontana Machado, de 22 anos, e a namorada, de 26, estavam na Saveiro. Ela foi retirada das ferragens pelos bombeiros voluntários da cidade. Willian não resistiu e morre ao dar entrada no hospital.
O acidente envolveu dois veículos. Willian Fontana Machado, de 22 anos, e a namorada, de 26, estavam na Saveiro. Ela foi retirada das ferragens pelos bombeiros voluntários da cidade. Willian não resistiu e morre ao dar entrada no hospital.

Mirna Graciela
Jaguaruna

O fim de semana foi marcado por acidentes na região. Um deles ocorreu ontem, em Jaguaruna, e resultou em uma morte. Willian Fontana Machado, 22 anos, faleceu após uma batida na SC-442, próximo do acesso ao CTG Estância do Retiro.

Ele conduzia uma Saveiro com placas de Sangão. Sua namorada, de 26 anos, também estava no carro. A Saveiro colidiu com o Ford F 250, com placas de Jaguaruna. Willian foi levado pelos bombeiros voluntários ao Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão. No trajeto, ele teve uma parada cardiorrespiratória, foi reanimado, mas não resistiu aos ferimentos e morreu logo após chegar na instituição.

Sua namorada, que foi retirada das ferragens, fraturou um braço e teve diversos ferimentos no rosto e corpo. Ele passa bem e não corre risco de morte. Trabalharam em conjunto a Polícia Militar de Jaguaruna, Polícia Rodoviária Estadual e os bombeiros voluntários da cidade.

Acidente com ônibus leva diversas pessoas a hospitais

Por volta das 5 horas de ontem, um ônibus da empresa Penha saiu da pista, na BR-101, na localidade de Estiva, em Laguna, e tombou. O acidente ocorreu na entrada de um desvio na divisa entre Capivari de Baixo e a cidade, em frente à igreja.

No veículo estavam 21 passageiros adultos e quatro menores, além do motorista. O ônibus trafegava sentido norte, com destino ao Rio de Janeiro. O acidente ocorreu no local onde as obras para a construção de uma passagem inferior estão paralisadas desde 2008. No lugar, já ocorreram acidentes graves e tombamentos em função da má sinalização.

O ônibus, conduzido por Mateus Brentano, 33 anos, caiu sobre os trilhos da Ferrovia Tereza Cristina. Assustados e feridos, todos os ocupantes sobreviveram e passam bem. Muitas pessoas foram levadas para hospitais da região. No Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão, 14 delas receberam atendimento.

Apenas duas vítimas seguem internadas, em observação: uma quebrou o braço e a outra teve lesões no rosto. As duas devem ser  liberadas hoje. A empresa enviou funcionários até Tubarão para dar suporte aos passageiros, bem como garantir o retorno de todos para suas cidades de origem. Devido a dimensão do acidente, trabalharam o Samu e Corpo de Bombeiros de Tubarão e Laguna, os bombeiros voluntários de Jaguaruna e a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Além do acidente em Jaguaruna e do capotamento do ônibus, um atropelamento também foi registrado na Grande Tubarão. Na última sexta-feira à noite, João Carlos Neves de Oliveira Pereira, 50 anos, faleceu após ser atingido por um veículo com placas de Curitiba, conduzido por um jovem de 20 anos. O acidente ocorreu na BR-101, em Paulo Lopes.