Tubarão

Trata-se de ocorrência de Feminicídio onde a Polícia Militar foi acionada pela Central Regional de Emergência. No local a guarnição constatou o fato juntamente com a guarnição do Corpo de Bombeiros, no apartamento de um residencial. A vítima do feminicídio foi identificada como Adriana Joaquim.

A testemunha do fato, filho da vítima, relatou que estava em sua casa e por volta das 13h40 deste domingo (12), escutou o indivíduo, ex-companheiro de sua mãe, chamando na porta do apartamento. Que sua mãe, recusou-se a abrir a porta e então o masculino efetuou alguns golpes na porta de entrada vindo a arrombar e de imediato efetuou dois disparos de arma de fogo na cabeça de sua mãe. Relatou também que imaginava que isso pudesse vir a acontecer pois o masculino sempre foi autoritário e também já havia lhe agredido anteriormente.

No local foi verificado que havia arrombamento na porta de entrada do apartamento a vítima estava caída logo atrás da porta sendo possível identificar uma perfuração na região frontal da cabeça e perda de massa encefálica na parte de trás. Foi informado via rádio as demais guarnições de serviço quem seria o suspeito e o veículo que conduzia. Feito o isolamento da área e  a Polícia Civil também foi acionada. Lacrado o apartamento para ser feito a perícia. O IML esteve no local e recolheu a vítima em óbito. Diante dos fatos a Guarnição confeccionou o presente boletim de ocorrência.