A Divisão de Repressão a Roubos da Polícia Civil de Criciúma (DRR/DIC), coordenada pelo delegado Yuri Miqueluzzi, encerrou a investigação de um roubo em residência ocorrido no bairro São Defende, em março último. Duas pessoas foram identificadas com indícios de participação, inclusive um adolescente.

A investigação foi concluída com o indiciamento de um rapaz, de 18 anos, pelos crimes de roubo com uso de arma de fogo e corrupção de menores.

No dia do crime, os bandidos invadiram a residência e renderam a família, que viveu momentos de grande apreensão e medo. Sob a mira de arma de fogo, os moradores foram amarrados, entre estes uma criança. Foram roubados valores em dinheiro, eletrônicos e um veículo. O automóvel foi recuperado logo após o assalto, abandonado no bairro Santa Luzia.

A Polícia Civil representou pela prisão preventiva, deferida pela 2ª Vara Criminal após manifestação da 10ª Promotoria de Justiça. O indiciado foi preso e segue recolhido no Presídio Santa Augusta para andamento da ação penal.

O adolescente envolvido (17 anos) foi identificado e está internado em um estabelecimento socioeducativo pela prática de outros atos infracionais.