Os números de homicídios nas cidades da região são alarmantes e a população pede um basta.
Os números de homicídios nas cidades da região são alarmantes e a população pede um basta.

Rafael Andrade
Tubarão

Foi o ano mais sangrento na região nas últimas duas décadas. Em 2010, até esta quinta-feira, 41 pessoas foram assassinadas, a maioria homens com idades entre 24 e 37 anos. Na manhã desta quinta, por volta das 10 horas, o tronco de um homem foi encontrado às margens da BR-101, no bairro Nova Brasília, em Imbituba. Foi o quinto homicídio em 2010 na Cidade da Baleia Franca. Em 2009, foram quatro mortes.
 

A cabeça, os braços e as pernas do homem não foram localizados até a noite desta quinta. O delegado Luiz Carlos Jeremias Filho já instaurou inquérito sobre o caso e acredita que a vítima foi desovada na cidade. “É muito provável que o crime tenha ocorrido bem longe de Imbituba e, para atrapalhar ainda mais as investigações, não sabemos de quem é o tronco encontrado. É um típico caso de desova”, analisa Jeremias.
 

O homem estava nu. O pênis também foi cortado e uma cueca cinza foi encontrada ao lado do que restou do corpo da vítima. Um dos poucos detalhes de identificação é uma tatuagem nas costas, uma letra M bem grande e bem desenhada. Denúncias sobre o caso podem ser repassadas à Polícia Civil de Imbituba no telefone (48) 3255-0099 ou 197.
 

Tubarão, a maior cidade da região, com quase 100 mil habitantes, lidera o ranking das mortes. Foram 17 homicídios na Cidade Azul, sete a mais que em 2009. “Fechamos o ano com mais de 65% dos casos desvendados. É um número expressivo pela dificuldade que é investigar um homicídio”, compara o delegado coordenador da Central de Operações Policiais de Tubarão, Marcos Ghizoni. 

26

casos de homicídio estão resolvidos pela polícia na região.
Outros 15 assassinatos seguem em investigação. Alguns estão em processo acelerado. Os casos envolvendo o empresário Euclides Cardoso Júnior (dono da JF Guinchos), 37 anos, morto no dia 19 de fevereiro, e um funcionário da empresa, Cláudio Virgínio Silveira, o Coquinho, morto a tiros no dia 13 de maio, podem ter ligação, mas ainda não há nenhuma pista concreta do autor dos homicídios.

Homicídios na região este ano: 41

Armazém
• Jucélia de Castro, 33 anos, morta no dia 9 de maio, no centro.
 

Braço do Norte
• Fernando Stapazzolli, 27 anos, morto no dia 31 de março.
• Lígia Heidemann Schueroff, 22 anos, e a amiga Simone Sebastião, 24, foram mortas no dia 3 de junho pelo condutor de um Vectra de São Ludgero, que participava de um racha e estava alcoolizado.
 

Capivari de Baixo
• Robson Witt da Costa, 38 anos, foi assassinado no dia 13 de junho.
 

Imbituba
• Fátima Martinhos Domingos, 45 anos, morta no dia 16 de fevereiro.
• Dalvan José de Jesus, 21 anos, foi morto no dia 10 de junho.
• Janael Sebastião de Oliveira, 35 anos, morto no dia 11 de junho.
• O tronco de um homem não identificado foi encontrado nesta sexta-feira. Ele foi esquartejado.
 

Laguna
• Jonair Olálio dos Santos, 33 anos, morto no dia 13 de março.
• Aleimar Balbueno Soares, 70 anos, queimado vivo no dia 8 de abril.
• Adriano Gazola, o Buda, morreu no dia 7 de junho.
• Edson Pedro Marcelino, 24 anos, foi morto no dia 12 de junho.
• André Duarte Martins, de 18 anos, morreu no dia 25 de julho.
• Alberi de Bem Flor, 44 anos, foi assassinado no dia 10 de agosto.
• Maycon Luiz Vieira da Silva, 27 anos, morto no dia 19 de setembro.
• Ozes Santos da Silva, 44 anos, morreu no dia 11 de novembro.
• Agnaldo Bernardo Mota, 27 anos, foi morto no dia 12 de novembro.
• Um adolescente de 17 anos foi morto no dia 21 de novembro.
 

Rio Fortuna
• Os irmãos Gilmar Kemper Boing, 22 anos, e Lucimar Boing, 31, foram mortos no dia 26 de agosto.
 

Tubarão
• Cristiano da Silva Silvano, 35 anos, morto em 16 de janeiro.
• Um homem de 33 anos foi assassinado no dia 21 de janeiro.
• Um adolescente de 16 anos foi morto no dia 21 de janeiro.
• Lourival Henrique Marques, o Loro, 37 anos, morto dia 24 de janeiro.
• Euclides Cardoso Júnior (dono da JF Guinchos), 37 anos, foi morto no dia 19 de fevereiro.
• Evandro Luiz Vitorazzi Benedet, 38 anos, morreu no dia 25 de fevereiro.
• Fabiano Cardoso, o Bica, 31 anos, morto dia 5 de março.
• Diogene Pierre da Silva, o Dódi, 31 anos, dia 6 de maio.
• Cláudio Virgínio Silveira, o Coquinho, morto a tiros no dia 13 de maio.
• Jailson Pereira Morais, 34 anos, foi executado no dia 26 de maio.
• Leandro Botega, 38 anos, morto dia 8 de junho.
• Diego de Oliveira Fogaça, 24 anos, assassinado no dia 24 de junho.
• Felipe Nunes Aguilera, 20 anos, foi morto dia 16 de setembro.
• O travesti Adriano Mendes dos Santos, a Brenda, 28 anos, foi assassinado no dia 7 de novembro.
• Um bebê de 1 ano e 11 meses morreu no dia 11 de novembro.
• Gilmar Dionísio, de 35 anos, morreu no dia 4 de dezembro.
• Guilherme Custódio de Souza, o Guigo, foi a 17ª vítima de homicídio na cidade em 2010. Ele morreu no dia 13 de dezembro.
 

Orleans
• Zonel Rossi, 38 anos, morreu no dia 25 de fevereiro.
 

Sangão
• Jailson Jaime Cardoso, 36 anos, foi morto no dia 14 de outubro.
 

Gravatal
• Fernando Plácido Gaspar, 22 anos, foi morto por um colega de 20 anos que dirigia um Fiat Uno de Capivari de Baixo. O jovem estava embriagado e bateu o carro em um poste na SC-438, no dia 5 de dezembro.