A arma usada pelo criminoso para atirar contra a guarnição é de alta potência. Fotos: Polícia Militar de Tubarão/Notisul
A arma usada pelo criminoso para atirar contra a guarnição é de alta potência. Fotos: Polícia Militar de Tubarão/Notisul

Mirna Graciela
Tubarão

As constantes denúncias do tráfico de drogas e disparos de arma de fogo no Morro do Taió, no bairro São Martinho, em Tubarão, deixam a Polícia Militar em alerta. Na terça-feira à noite, uma operação foi desencadeada, a fim de combater a criminalidade.

Uma guarnição foi ao local por volta das 23h20min. Em um beco, quatro pessoas foram revistadas e um homem atirou contra os policiais, mas não atingiu ninguém. Um cerco foi montado para localizá-lo, mas o bandido conseguiu escapar por um matagal.

A arma usada por ele foi encontrada nas imediações, uma espingarda calibre 12, de cano serrado da marca Rossi, de alta potência. Outro homem, de 28 anos, considerado pela polícia o ‘olheiro’, foi detido, mas não portava drogas ou armas.
No total, 12 pessoas foram abordadas, a maioria com passagens por tráfico de entorpecentes. Mais duas viaturas da PM foram acionadas. As abordagens serão intensificadas, pois as ligações à Central de Operações da PM (Copom) aumentam a cada dia. A ação ocorreu até as 3 horas de ontem.