Dourados (MS)

Uma jovem indígena de 22 anos foi encontrada morta na manhã deste domingo (1º) em um canavial perto da Aldeia Bororó, em Dourados (MS). Segundo a polícia, a vítima foi asfixiada e apresentava sinais de estupro. 

Ela foi identificada como Carolaine Espindola, saiu de casa na noite deste sábado (31) e não foi mais vista. Nesta manhã, o corpo foi encontrado por moradores da aldeia. Ela era da etnia Kaiowa. 

Equipes da Polícia Militar, Polícia Civil e perícia foram até o canavial. Um casal foi levado à delegacia como testemunha para prestar depoimento. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.