Gustavo cursava o último ano de administração. - Foto: Divulgação/Notisul.
Gustavo cursava o último ano de administração. - Foto: Divulgação/Notisul.

Florianópolis

O tubaronense Gustavo Bortoluzzi, 21 anos, participava da Gincana de Verão, evento de três dias organizado por alunos da Atlética do Centro de Administração e Ciências Sócio-Econômicas (Esag), na praia da Guarda do Embaú, em Palhoça, quando passou mal e morreu na madrugada de ontem. Relatos de amigos que estavam na festa apontam que ele começou a sentir-se mal durante a noite. O jovem cursava o último ano de administração.

Os bombeiros militares foram acionados mas, conforme os socorristas, Gustavo sofreu duas paradas cardíacas ainda na ambulância e chegou morto ao hospital. O laudo do exame que confirma as causas da morte do estudante ainda não foi realizado. 

Segundo a Polícia Civil, um inquérito será aberto, mas isto depende da conclusão dos laudos. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Florianópolis e chegou ontem na Cidade Azul, onde ocorre o velório na Funerária Santa Rita. Uma missa foi marcada para hoje às 9 horas na Catedral Diocesana. Em seguida, ocorrerá o sepultamento no cemitério Horto da Saudade.