#Pracegover Foto: na imagem há duas viaturas da Polícia Civil
#Pracegover Foto: na imagem há duas viaturas da Polícia Civil

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Combate a Furto e Roubos, da Delegacia de Polícia da Comarca de Tubarão, deu cumprimento a mandado de prisão preventiva em desfavor de EM, de 26 anos, pela prática em tese do crime de roubo circunstanciado pelo uso de arma branca ocorrido no dia 08 de dezembro do ano passado, por volta das 8h.

Na oportunidade, o suspeito entrou em uma lanchonete localizada na Avenida Marcolino Martins Cabral, ao lado do supermercado Giassi, pediu o lanche e no momento em que era servido sacou uma faca de dentro das vestes e anunciou o assalto para duas senhoras que trabalhavam na pastelaria no momento do fato. Uma das mulheres segurou o braço do autor com força e o empurrou até a porta, tendo ele fugido do local sem levar nada.

Assim que tomou conhecimento do fato, policiais da DCFR diligenciaram no sentido de identificar o autor e, após a colheita de imagens, acabaram por identificá-lo como sendo EM, indivíduo que possui inúmeras passagens policiais por crimes cometidos em diversas cidades de Santa Catarina.

Instaurou-se o competente inquérito policial e, perante à autoridade policial, as vítimas prontamente reconheceram, por meio de fotografia, o suspeito como sendo o autor do roubo tentado sob investigação.

Munido de todos os elementos probatórios coletados durante a investigação, o Delegado de Polícia coordenador da DCFR de Tubarão representou pela prisão preventiva do investigado, pleito que foi deferido pelo Poder Judiciário local.

Nesta segunda-feira (8) à tarde, a equipe da DCFR realizou inúmeras diligência e acabou por capturar EM, o qual foi conduzido à delegacia de polícia e interrogado pela autoridade policial, tendo negado a autoria do fato, porém, diante do robusto conjunto probatório amealhado no curso da investigação, o Delegado de Polícia indiciou o suspeito pela prática do crime de roubo tentado majorado pelo emprego de arma branco e determinou a sua condução ao Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul