Paulinho Sachetti
Tubarão

Depois de alguns dias de investigação e monitoramento, a equipe de investigação da Central de Polícia Civil, de Tubarão, interditou na tarde de ontem uma espécie de cassino clandestino. O local ficava em uma casa no centro da cidade, aparentemente normal, mas quando os policiais chegaram constataram sete máquinas e várias cadeiras.

O casal, dono da residência, foi enquadrado por contravenção penal e responderá inquérito em liberdade. O local era investigado há bastante tempo e havia várias denúncias dando conta de que lá funcionaria um cassino clandestino. O que chamou a atenção da polícia foi a sofisticação do lugar, já que na fachada era uma residência normal, enquanto que num compartimento funcionava a jogatina. As investigações foram presididas pelo delegado Marcos Ghizoni.

Semana passada, mais seis máquinas foram apreendidas, também em uma casa, no bairro Revoredo, em Tubarão, próximo ao limite com Capivari de Baixo. As máquinas eram adaptadas e a dona da residência também responde inquérito. Outros locais são investigados e, dentro de poucos dias, mais apreensões devem ocorrer. Muitas pessoas, acostumadas a jogar, montam este tipo de cassino em compartimento dentro das suas própria casas.