A Polícia Militar Ambiental (PMA) de Laguna apreendeu cerca de 200 quilos de camarão nesta quarta-feira (19), em um estabelecimento comercial, em Imaruí. A multa sofrida para o local em que era comercializado o alimento poderá chegar a R$ 100 mil.

De acordo com o artigo 35 IV do decreto 6514/08, quem transporta, conserva, beneficia, descaracteriza, industrializa ou comercializa pescados ou produtos originados da pesca, sem comprovante de origem ou autorização do órgão competente responde por multas que podem chegar a R$ 100 mil.

Segundo informação da polícia, a operação teve início por causa de denúncias anônimas. A empresa era acusada de adquirir o crustáceo obtido em pesca durante o período de defeso, em Santa Catarina. No local, a PMA também apreendeu peixes e lulas impróprios para consumo.

Os produtos apreendidos serão transformados em ração. A Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) também participou da ação em Imaruí.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul