Maycon Vianna
Tubarão

As três adolescentes de Tubarão que estavam desaparecidas há três semanas foram encontradas sexta-feira, por volta das 18h42min. Duas delas voltaram para a casa do pai, no bairro São Raimundo. Elas chegaram junto com os investigadores da Delegacia de Proteção ao Menor, ao Adolescente e ao Idoso de Tubarão.

O fato foi divulgado com exclusividade pelo Notisul e teve repercussão na imprensa local. O pai das meninas, o operador de máquinas Roland Griesinger, o Alemão, diz estar aliviado com a volta das meninas. “Quando elas chegaram em casa, fiquei muito emocionado. É triste para um pai estar distante de suas filhas. Agora, estarei de olho nas duas para evitar que elas desapareçam novamente. Quero agradecer o apoio do Notisul, que nos ajudou muito a elucidar o caso”, expõe Roland.

Renata Guth Griesinger, 17 anos, afirma que foi para a casa de um amigo em Florianópolis juntamente com a sua vizinha Larissa Ribeiro, 14, que também estava desaparecida e foi reencontrada. Atualmente, Larissa está na casa do pai em Orleans. “Queria independência, seguir a minha vida, trabalhar. Estava com saudades do pai, mas, como jovem, quero alcançar vôos maiores”, diz Renata.

Já a irmã Daniela, 14, estava na casa de um conhecido no bairro Morrotes. “Fiquei cinco dias na casa dele. Estava tudo bem comigo, mas soube que meu pai me procurava através do jornal. Então, a polícia me encontrou e trouxe para casa”, explica.
Elas confirmaram à reportagem do Notisul que em nenhum momento envolveram-se com drogas ou prostituição. A polícia investiga o caso. A equipe do Conselho Tutelar da cidade confirma que as irmãs Daniela e Renata passarão a ter acompanhamento psicológico e também de assistente social.