Hoje comemora-se o Dia do Profissional de Educação Física, data em que celebramos os profissionais que trabalham em benefício do próximo, cuidando do bem-estar e qualidade de vida da população, independente de classe social ou faixa etária. 

Em muitos casos, esses profissionais são os primeiros a incentivar a prática de atividades desportivas ou recreativas na vida de muitas pessoas, por meio das aulas de educação física nas escolas. Exercitar o corpo também implica em manutenção da mente, interação social e prolongamento dos anos de vida, já que praticar exercícios pode ser algo divertido quando não encarado apenas como uma obrigação. Além de auxiliar no emagrecimento e reduzir, até mesmo, o uso de medicamentos.

Já que estamos próximos a esta data especial, é importante levantarmos a bandeira de que as atividades físicas precisam ser praticadas com o auxílio de um profissional especializado. Este é um dos maiores problemas do setor. É fundamental que a sociedade valorize cada vez mais estes profissionais, que são as pessoas aptas para trabalhar em academias, escolas, clubes, associações, hospitais, clínicas e condomínios, de forma individual ou em grupos. 

E, após vivenciarmos em nosso país o maior evento esportivo do mundo, fica evidente que o esporte é um dos gatilhos de recuperação humana e um profissional habilitado tem o poder de transformar vidas, resgatar pessoas e devolver a autoestima a tantas outras. Mais que isso, será essencial na formação de cidadãos, que sentirão orgulho de serem brasileiros e de representarem o país em jogos e competições em todas as partes do mundo.