Karen Novochadlo
Tubarão

T odos somos diferentes, certo? E é na escola que nos deparamos com estas peculiaridades que nos tornam tão especiais. Cada um a seu modo! Uns são melhores em matemática, outros podem ser craques em português. Alguns de nossos colegas possuem algumas deficiências e podem exigir um pouco mais de atenção dos professores. Mas no fim, todos têm a mesma capacidade de aprendizado!

Desde o ano passado, algumas escolas da rede municipal de Tubarão desenvolvem o projeto Sala de Recursos Multifuncionais. Lá, alunos portadores de deficiência intelectual ou física (auditiva ou visual) recebem aulas para complementar a aprendizagem. As atividades sempre transformam-se em brincadeiras lúdicas. Afinal, aprender brincando é sempre mais gostoso.

A sala é equipada com vários jogos, uma TV/monitor, um computador e caixas de som. Tudo usado de forma educativa. No computador, os alunos divertem-se com jogos de lógica, alfabetização, matemática e raciocínio, entre outros. O objetivo é estimular o desenvolvimento. O progresso destes alunos ocorre em longo prazo.
“Já observamos algumas pequenas alterações no comportamento das crianças. Mas o resultado deste trabalho só terá reflexo no futuro. Queremos que eles tenham autonomia”, valoriza a articuladora do projeto, Edinilce Pedroso Rodrigues.

As atividades não ficam restritas às salas multifuncionais. Professores das aulas regulares recebem orientações de como podem trabalham os alunos com mais dificuldades. “Sempre buscamos ajudar os professores a lidar com as diferenças”, ressalta a coordenadora do projeto, Janice Oliveira de Souza.

Projeto em expansão
Hoje, 45 escolas de Tubarão participam do projeto Sala de Recursos Multifuncionais. Destas, cinco já estão com o equipamento completo (TV/monitor, computador e caixas de som). Outras nove são estruturadas. A ideia é expandir o projeto para todas as escolas da rede municipal de ensino. Atualmente, 63 recebem alunos o reforço. O equipamento é comprado pelo Ministério da Educação e as salas são mantidas pela secretaria de educação da prefeitura.

Simpósio

Continuam abertas as inscrições para o 3º Simpósio Sobre Formação de Professores (Simfop). Este ano serão debatidas as tecnologias e inovações na educação básica. O evento será entre os dias 28 e 31 deste mês, na Unisul, em Tubarão. O encontro discutirá o processo de formação e profissionalização de docentes da educação básica. Os assuntos a serem abordados serão: mídias e práticas educacionais, linguagens e tecnologias educacionais e políticas públicas e tecnologias educacionais na formação de professores. As inscrições para os comunicadores, pôsteres e ouvintes podem ser feitas no site da Unisul: www.unisul.br.

Vagas para professores de artes e informática

Estão abertas, até esta sexta-feira, as inscrições para o processo seletivo à admissão em caráter temporário (ACT) de professores para o programa Escola em Ação: Transformando a Educação (Peate), em Tubarão. Ao todo, serão disponibilizadas 12 vagas para oficinas de desenho, flauta, violão, banda, dança, orquestra, coral e informática. As inscrições devem ser feitas das 7h30min às 11h30min e das 14 às 18 horas, na secretaria de educação da prefeitura. O endereço é rua José Ferreira, nº 380, no bairro de Oficinas. O resultado classificatório será divulgado na próxima segunda-feira. A escolha de vagas começa no dia 28 deste mês. Confira o edital completo no site da prefeitura: www.tubarao.sc.gov.br.