Todo empenho e dedicação de Henrique Mazzuchelo Espíndola, estudante do Colégio Dehon de Tubarão, foram recompensados com a medalha de prata obtida no nível três da 19ª Olimpíada Regional de Matemática de Santa Catarina. Participaram alunos de escolas públicas e privadas da 5ª série do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio de todo o estado.

A competição foi dividida em duas fases. Na primeira, 60 alunos do próprio colégio participaram. Na segundo, os 18 selecionados foram até a regional, em Criciúma. “Fiquei bem feliz porque eu realmente gosto de matemática. O colégio sempre incentiva e tem professores para nos ajudar com a preparação e nas etapas”, comemora Henrique.

O professor Deivid Vitoreti é o responsável por orientar e preparar os alunos para as Olimpíadas de Matemática há cinco anos. “O incentivo e preparação ocorrem desde o início do ano letivo, dentro da própria sala de aula”, salienta o professor.
A entrega das premiações ocorrerá neste sábado, na Universidade Federal de Santa Catarina (Ufsc). E, no próximo ano, tem mais Olimpíada de Matemática. “Ter ficado em uma colocação tão boa me dá incentivo a continuar estudando para trazer a medalha de ouro”, planeja Henrique.

Como fazer para os filhos gostarem de história

• Assista filmes com temas históricos
Muitos filmes são ambientados em diferentes épocas históricas. Assisti-los com seu filho pode ser a deixa para vocês conversarem sobre o período. Desenhos como Hércules, que retrata o herói mitológico na Grécia Antiga, e Mulan, lenda chinesa que se passa no período das Dinastias do Norte e do Sul, ambos da Disney, também podem render bons papos.

• Discuta feriados históricos
Pesquise em livros ou na internet algumas curiosidades em relação à data.

• Visite museus com seu filho
Visitar museus pode transformar-se em uma estimulante viagem pelo tempo. O contato do seu filho com objetos históricos pode facilitar que ele compreenda o que aprende nas salas de aula.

• Aproveite as deixas do dia-a-dia
Todo o nosso presente é resultado das escolhas das pessoas que viveram antes de nós, basta prestar atenção. Nas placas de ruas, nomes de escolas, praças e parques muitas vezes vivem personagens históricos da cidade ou do país.

• Construa a árvore genealógica da família
Resgate a origem da sua família. Esta atividade ajuda o seu filho a entender a noção de tempo e da relação de dependência entre passado e futuro.

Caixinhas de leite viram carteiras

Reduzir, reutilizar e reciclar. Com certeza, você já deve ter ouvido falar dos 3Rs e a importância de aplicá-los para a preservação ambiental. Na última semana, os alunos do Programa Adolescente Responsável (PAR) de Tubarão participaram de uma oficina, onde aprenderam a produzir carteiras com caixas de leite.
A atividade foi ensinada pela técnica da Fundação de Meio Ambiente, Paula Wronski. Para a confecção das carteiras, também foram utilizados restos de tecidos, botões, viés e cola. “Eles aprenderam o quanto é fácil produzir novos materiais a partir do lixo, transformando produtos usados em algo novo, reduzindo assim a quantidade de lixo que vai para o aterro sanitário”, relata Paula.