Tatiana Dornelles
Tubarão

Tubarão já vive o clima natalino. Luzes, cores, enfeites e presépios trazem à tona o sentimento de fim de ano, de solidariedade e de paz. O Natal está próximo e, mesmo em meio à crise financeira mundial, a expectativa da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Tubarão de vendas nesta época do ano é de 7% a 8% em comparação a 2007.

“Com a situação econômica, as pessoas estão em fase de precaução. Procuram gastar apenas o que está dentro do orçamento doméstico. Contudo, a expectativa é de 7% a 8% de incremento nas vendas”, prevê o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Tubarão, Walmor Jung Júnior.

Esse aumento está previsto uma vez que os lojistas já se preparam para a data natalina desde junho e julho. “Os lojistas já têm um planejamento e se preparam na metade do ano para o Natal. Parte dos produtos já foram pagos. Por isso, não terá um aumento significativo nas mercadorias. Talvez a partir de fevereiro isso passe a ser sentido pelo consumidor”, considera Walmor.

A decoração natalina na cidade também está mais incrementada, segundo o presidente da CDL. Alguns bairros, que antes não recebiam os enfeites, foram agraciados este ano: Monte Castelo, Andrino, São Martinho, Morrotes e São João. As quatro pontes estão completamente iluminadas.

“Fizemos uma decoração mais abrangente, levamos para algumas localidades que antes não recebiam enfeites. Colocamos árvores de Natal feitas com peti ao longo de toda a Marcolino (Martins Cabral), 15 papais Noel estão espalhados pela cidade, além de termos instalado um painel com a Sagrada Família na rótula da antiga rodoviária”, conta.

Horário do comércio
A programação natalina será aberta terça-feira, com o Uniluz, que ocorre na Unisul e contará com a presença da cantora Fafá de Belém. Quarta-feira, haverá a chegada do Papai Natal a partir das 20h30min e o comércio tubaronense começa a funcionar em horário especial até o dia 24, véspera de Natal.