Tubarão

Com as obras de implantação do sistema de coleta e tratamento de esgoto no município de Tubarão, chegou a hora das unidades consumidoras dos bairros centro, Recife e Vila Moema realizarem a etapa residencial. Para a execução da obra interna, cada usuário é responsável pela instalação hidráulica do seu imóvel. Com o objetivo de facilitar a utilização das linhas de crédito, Construcard e Crédito Direto Caixa (CDC), a Tubarão Saneamento e Caixa Econômica Federal (CEF) firmaram convênio. O ato foi realizado nesta quinta-feira, na prefeitura de Tubarão.

Estiveram presentes as seguintes autoridades: prefeito municipal de Tubarão, Joares Ponticelli; vice-prefeito de Tubarão, Caio Tokarski; superintendente geral da Agência Reguladora de Saneamento de Tubarão, Felippe Colaço; diretores da Tubarão Saneamento, Marcelo Matos, Paulo Canalles e Wagner Souza; superintendente regional da CEF, Bruno Piva Búrigo; gerente geral da CEF, Fernando Antônio Tartari e gerente regional da CEF, Rudolfo Cabral Melo.

A linha de financiamento é específica aos usuários dos serviços oferecidos pela Tubarão Saneamento, com o objetivo de custear, total ou parcialmente, os investimentos necessários para realizar a ligação do esgoto doméstico de suas residências à rede pública de coleta de esgoto.

“Esse convênio demonstra a integração de todas as partes envolvidas para a implantação do sistema de coleta e tratamento de esgoto, que tem como proposta a melhora da qualidade de vida e desenvolvimento regional”, ressaltou o diretor da Tubarão Saneamento, Paulo Canalles.

Sem a destinação correta, o esgoto das residências chega no Rio Tubarão, prejudicando todos os recursos naturais. “Este é mais um passo que precisamos enfrentar, pedindo desculpas ao meio ambiente e contribuindo para o desenvolvimento da nossa cidade”, disse o prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli.

Para obtenção do benefício, por meio da referida parceria, os usuários precisam atender cumulativamente algumas condições, entre elas, ser pessoa física, não possuir débitos junto a Concessionária, ter o cadastro aprovado pelo sistema de avaliação de risco de crédito da Caixa. “Esta é uma oportunidade para aqueles que não tem condições de realizar a obra sem um auxílio”, completou o gerente geral da CEF Fernando Antônio Tartari.

Para o usuário ser beneficiado com o financiamento, a Tubarão Saneamento terá que indicar, por meio de Carta de Apresentação/Termo de Responsabilidade, além de disponibilizar todos os dados do usuário e fiscalizar a execução dos serviços de mão de obra relativas ao contrato de financiamento.

Para outras informações, necessário entrar em contato com a Central de Atendimento pelos telefones 0800 648 9596 e (48) 3052-7400, ou via WhatsApp (48) 99168-5827. 

Como realizar a obra residencial?

1 – Para cada imóvel é instalada uma “saída individual” da rede coletora, disponível próximo ao passeio, que é onde a ligação deve ser realizada. Identifique o local exato.

2 – Providencie as adaptações nas tubulações do seu imóvel para ligar o despejo de esgoto à rede coletora. Procure um pedreiro ou um encanador capacitado e de sua confiança para a realização da obra.

3 – Ao realizar essa etapa de adiantamento, saiba que a tubulação que direciona os resíduos à tubulação da Tubarão Saneamento, deve ser mantida capeada (fechada). Do contrário, o esgoto pode obstruir a tubulação, provocar um extravasamento e até retornar para a sua residência. Fique atento!

4 – Em caso de dúvida, entre em contato com a Central de Atendimento pelos telefones 0800 648 9596 e (48) 3052-7400, ou via WhatsApp (48) 99168-5827.