A rotina do casal  Janaina Backes Moraes e do marido mudou completamente na última quinta-feira (15) com o nascimento dos trigêmeos. São duas meninas e um menino. Eles são os pimeiros trigêmeos que nascem em 2018 no Hospital Nossa Senhora da Conceição. 

A gravidez de Janaina ocorreu naturalmente, o que não é comum em caso de trigêmeos. O parto natural aconteceu no Centro Obstétrico do Hospital Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão. Vicente foi o primeiro a nascer, pensando 1 quilo e 970 gramas, Helena a segunda, com 2 quilos e 365 gramas e, por último, Betina, com 1 quilo e 950 gramas. Todos os três recém-nascidos não precisaram permanecer na UTI Neonatal, comum nestes casos. Todos passam bem, e receberam alta após quatro dias do nascimento.

Os pais decidiram engravidar e, durante o primeiro exame de ultrassonografia, descobriram que seriam pais de três. A mãe confessa que no início ela e o esposo ficaram assustados com a novidade, mas logo se adaptaram a nova realidade.

A instrutora de pilates revela que sua gestação foi tranquila e que, inclusive, praticou atividade física até a 26ª semana de gestação, sempre assistida pelo seu obstetra. “Ter participado do curso de gestante promovido pelo HNSC contribuiu também para uma gestação saudável e um parto tranquilo”, evidencia Janaina. “Eu e meu esposo nos sentimos mais preparados e seguros para o nascimento dos nossos bebês”, confessa.

 Além de participarem do curso de gestante da instituição, o casal teve a chance de praticar o método canguru, iniciativa que integra a atenção humanizada ao recém-nascido de baixo peso na instituição, que além de diminuir o tempo de internação dos bebês, reduz os riscos de infecção e aumenta o vínculo entre a mãe, o pai e os recém-nascidos, através do permanente contato, dividindo calor, carinho, conforto e segurança.

 Ao ser questionada do que deseja para os seus bebês, a mãe diz querer que eles cresçam com saúde e que os três possam realizar todos os seus sonhos. “Amor eles tem de sobra, portanto queremos que eles tenham muita saúde”, suspira Janaina.