Nesta semana, um buggy caiu no rio depois de algumas tábuas quebrarem. Na próxima semana, a prefeitura colocará corrimãos no local
Nesta semana, um buggy caiu no rio depois de algumas tábuas quebrarem. Na próxima semana, a prefeitura colocará corrimãos no local

 

Angelica Brunatto
Jaguaruna
 
A ponte de madeira na localidade de Jabuticabeira, em Jaguaruna, é um dos principais acessos às praias  por Tubarão, via bairro Congonhas. A travessia foi palco de um acidente nesta semana. Parte da passagem quebrou no momento em que um buggy passava. O veículo caiu no rio.
 
Por este motivo, a comunidade está preocupada com a situação do local. Muitos afirmam que poucos motoristas são conscientes, e que a maioria divide o espaço das pontes.
 
Para melhorar a situação, o prefeito Inimar Felisbino (PMDB) anuncia que, na próxima semana, uma equipe colocará corrimãos no local. “Mas é importante lembrar que essa estrutura não impede a queda de alguém dentro do rio”, alerta Inimar. 
 
Porém, não será realizada uma reforma como a feita na ponte de Congonhas em fevereiro deste ano. “A estrutura está boa”, atesta o prefeito. O que falta, segundo ele, é as pessoas terem consciência. “A passagem é para ser usada por um veículo por vez, e não dois”, ensina Inimar.
 
No momento do acidente desta semana, o buggy dividia espaço com outro veículo. Conforme relatos, a estrutura ruiu por não suportar o peso dos dois carros. A ponte tem capacidade para duas toneladas.
 
Seis empresas manifestam interesse na obra
Nos próximos dez dias será conhecida a empresa que executará as obras da nova ponte de Congonhas, na divisa de Tubarão com Jaguaruna. Por enquanto, seis empresas retiraram o edital para participar da licitação. 
A concorrência pública foi aberta no fim do mês passado. Como este é um ano eleitoral, os prazos devem ser cumpridos à risca. Um deles é quanto a convênios.
O primeiro repasse precisa ser feito até o dia 7 de julho. Caso contrário, o município só pode voltar a receber a verba após 15 de novembro.
Conforme o convênio, as prefeituras de Tubarão e Jaguaruna vão investir R$ 150 mil cada. Já o estado entrará com R$ 600 mil. A nova travessia, de concreto, terá 42 metros de extensão e oito de largura. A ponte contará com uma faixa de rolamento e passagem para pedestres.
 
Abertura das propostas serão abertas na sexta-feira da próxima semana