Tubarão

Com mais de R$ 43,9 milhões repassados para a Região dos Municípios de Laguna (Amurel) na primeira etapa do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam), o governador Raimundo Colombo esteve nesta terça-feira (23) em Tubarão, para o lançamento da segunda etapa do programa. Participaram do ato, 15 dos 18 prefeitos da Amurel. O investimento previsto para esta nova edição é de R$ 700 milhões.

Estiveram presentes os prefeitos de Rio Fortuna, Armazém, Braço do Norte, Capivari de Baixo, Gravatal, Grão Pará, São Martinho, Santa Rosa de Lima, São Ludgero, Pedras Grandes, Imaruí, Sangão, Treze de Maio, Imbituba e Tubarão.

Na primeira edição, o Fundo de Apoio aos Municípios distribui recursos entre as cidades catarinenses de forma criteriosa proporcionando investimentos nas áreas de saúde, educação, saneamento básico e infraestrutura. Foram mais de cerca de R$ 600 milhões para as prefeituras catarinenses realizarem obras que o próprio município escolheu como prioridade, impactando na economia. “O Fundam é um apoio às prefeituras, aos municípios. O programa é muito importante, tem a proposta de preservar e  fortalecer o modelo catarinense, de qualidade de vida e de boa distribuição populacional em pequenos municípios. Quando investimos em obras e em melhorias de infraestrutura nessas cidades, estamos preservando esse modelo. Assim como a primeira edição, esta segunda vai refletir em geração de empregos e renda em todo o Estado”, disse Colombo.

Os municípios contemplados no Fundam 2 devem começar a receber os recursos para investir conforme as necessidades já no segundo semestre, após as celebrações dos tradicionais trâmites que envolvem o repasse de recursos federais. Durante o evento, os prefeitos que estiveram presentes solicitaram obras em seus municípios e aproveitaram para tiras dúvidas sobre o programa.

O prefeito Joares Ponticelli sugeriu ao governador uma usina de asfalto consorciada para toda a Amurel. “Vamos usar os recursos em pavimentações porque a nossa cidade ainda tem mais de 100 quilômetros de vias urbanas a pavimentar, mas quero pedir em nome da associação para destinar uma parte do Fundam para uma usina de asfalto. Aí sim conseguiremos fazer a diferença em todos os 18 municípios da Amurel”, destacou Ponticelli.

Este é o segundo encontro de 21 que serão realizados em todas as regiões do Estado. O primeiro foi em Mafra, no Planalto Norte. Os próximos serão em Jaraguá do Sul, na quinta-feira (25) e em Chapecó, na sexta-feira (26).

O Fundam: Durante a primeira etapa do programa, segundo o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), os municípios catarinenses adquiriram 976 equipamentos, máquinas e veículos. Foram 1.358 ruas pavimentadas, correspondendo a 538 quilômetros lineares. A destinação do recurso é uma decisão exclusiva dos municípios, podendo ser utilizado em infraestrutura, construção e ampliação de prédios nas áreas de educação, saúde e assistência social, construção nas áreas de desporto e lazer, saneamento básico, aquisição de equipamentos, veículos e materiais destinados aos serviços de saúde e educação. Além da aquisição de máquinas e equipamentos rodoviários novos, fabricados em território nacional.

Foto: Lisyê Santos/Portal Notisul