Maycon Vianna
Tubarão

Uma operação especial da Polícia Militar de Tubarão, que contou com sete viaturas e duas motocicletas, na noite de ontem, resultou na prisão de seis pessoas (três menores, de 12, 16 e 17 anos e os outros de 40, 21 e 20 anos). A operação começou no bairro Passagem, quando os policiais avistaram um Tipo azul e começaram a persegui-lo.

O veículo foi o mesmo utilizado pelos homens que atiraram contra uma viatura da PM na madrugada do último dia 8. Eles não obedeceram a uma ordem de parada em uma blitz realizada próximo ao Posto Presidente, no bairro Revoredo, na BR-101, em Tubarão.

Ontem, os policiais encontraram o Tipo parado em frente a uma residência na Passagem. Os bandidos abandonaram o carro e fugiram para o interior da casa. Instantes depois, outros PMs deram suporte à ocorrência. Os policiais invadiram a casa e prenderam os três ocupantes do carro. Foi encontrada na residência uma arma calibre 28 com o cano cortado.

Minutos depois, através de denúncias anônimas ao serviço de inteligência da PM de que havia tráfico de drogas na localidade, novos soldados em outras viaturas foram deslocados até a rua José de Anchieta, próximo ao Centro Social Urbano da Passagem.

Quando chegaram próximo à residência, três pessoas fugiram a pé e foram pegas depois. Após revista no interior da moradia de onde saíram os suspeitos, foram encontrados quatro gramas de cocaína prontas para a comercialização, R$ 220,00 em dinheiro, 17 pedras de crack e mais 17 papelotes de cocaína, além de sete celulares e uma balança de precisão.

Todos os detidos foram levados à Central de Polícia Civil de Tubarão para serem interrogados. Dois dos presos, de 20 e 21 anos (com passagens pela polícia por tráfico de drogas, porte de arma de fogo) são suspeitos de realizar furtos na cidade.