Tubarão

A música sertaneja sempre teve espaço cativo no coração do brasileiro. O ritmo ora melancólico, ora animado, é sempre pedida certa nas festas. Agora, com a explosão do sertanejo universitário, o estilo virou febre. Várias duplas ou até bandas formam-se e tentam emplacar sucessos. Mas são poucos os que conseguem chegar lá. E quem consegue precisa caprichar para se manter no cenário.

Ser músico não é fácil, mas há sempre espaço para quem tem vontade e talento. “Tubarão e região tem um potencial musical incrível, mas falta investimento em profissionalização”, avalia o produtor da mais nova dupla sertaneja da praça e proprietário do Zero DB Estúdio, em Tubarão, Carlos Zim, o Beto.
Jailton e Junior já são conhecidos dos fãs do bom sertanejo.

A música Paixão Bonita, gravada ao vivo em janeiro deste ano em Vargem do Cedro, é sucesso nas rádios da Amurel. Os dois já cantaram em outros grupos, como a banda Expansão, também agenciada por Beto. E foi do entrosamento nesta época que resolveram investir na carreira sertaneja. O primeiro disco da dupla é audacioso e será gravado ao vivo, na Hangar Eventos, em Tubarão, às 20 horas da próxima terça-feira. O show é gratuito.

Todas as canções deste primeiro trabalho foram compostas exclusivamente por Junior. “Depois, vamos terminar o CD em estúdio e programar o lançamento, que acredito que deva ocorrer no meio deste ano”, adianta Beto.