A boa ação de um empresário, que pagou contas atrasadas de 36 famílias no Natal, inspirou centenas de pessoas a fazer o mesmo no mundo todo. Mike Esmond, da Flórida, EUA, de 73 anos, foi na prefeitura de Gulf Breeze quitar os pagamentos de energia elétrica de desconhecidos, para evitar o que aconteceu com ele em 1983, quando passou o Natal no escuro e sem aquecimento em casa.

O ato de solidariedade, compaixão e empatia custou a ele 4,6 mil dólares, cerca de 18,6 mil reais. “Ninguém acredita que os americanos não conseguem pagar contas de serviços públicos… Temos pessoas pobres como qualquer outro país e pessoas que ficam sem eletricidade.”, disse o empresário.

“Eu  não tinha 100 dólares (400 reais), alguns anos atrás e passei um inverno inteiro sem energia”, lembrou.

Corrente do Bem

Uma semana depois que o News Journal divulgou a história da boa ação de Esmond na primeira página, o ato de bondade reverberou em todo o mundo e inspirou centenas, milhares de pessoas a seguir seus passos.

“Quando você começa a receber mensagens de diferentes países em todo o mundo, falando sobre como inspirou as pessoas, a gente fica surpreso”, disse Esmond esta semana.

Desde que o artigo foi publicado, a generosidade de Esmond tem sido destaque em agências de notícias nacionais nos EUA e também em outros países. Ele foi contatado pelo The Ellen Show e foi entrevistado por um produtor de lá. O empresário também deu entrevista para um programa da rádio pública suíça.

Inspiração

Esmond não queria nenhum reconhecimento pelo que fez, mas depois que as pessoas começaram a falar com ele dizendo que foram inspiradas por sua gentileza que foi passada adiante, ele percebeu que colocar um rosto e um nome no ato levaria outros a fazer algo semelhante.

“Eu nunca esperei nada disso. Pensei que talvez, localmente, aqui mesmo, eu pudesse receber uma mensagem do Facebook ou algo assim. Mas nunca pensei que receberia mensagens de pessoas de todo o mundo. Isso nunca me ocorreu”, disse.