#ParaTodosVerem Na foto, um homem com óculos escuros
Joacir Serafim, o Xinga, teve um traumatismo craniano e não resistiu. Ele morreu nesta terça-feira (28), no Hospital São João Batista, em Imaruí - Foto: Redes Sociais | Divulgação

O homem de 53 anos que caiu de uma altura de sete metros enquanto fazia a manutenção de um telhado, em Imaruí, não resistiu aos graves ferimentos e morreu. Joacir Serafim, popularmente conhecido como Xinga, foi socorrido com vida pelo Corpo de Bombeiros Militar. Ele teve um traumatismo cranioencefálico e foi levado em estado grave para o Hospital São João Batista, no município. Apesar de todos os esforços da equipe médica, a extensão do ferimento era grande e ele acabou falecendo próximo das 23 horas desta segunda-feira (27). O incidente ocorreu por volta das 16h30min, na Escola Estadual Professora Eulina Heleodoro Barreto, na SC-437, no bairro Cangueri de Fora, em Imaruí.

Ele fazia reparos no telhado, se desequilibrou e caiu, batendo fortemente a cabeça no chão. Em nota, a diretoria da instituição de ensino lamentou o ocorrido e suspendeu as aulas nesta terça-feira (28). Seu Xinga era muito conhecido no bairro e era solidário com todos que precisavam ajuda. “É com imenso pesar que noticiamos o falecimento de nosso amigo mais conhecido como Xinga. Um verdadeiro parceiro para a escola e toda a comunidade. Amanhã não haverá aula! Que Deus conceda um bom lugar. A Família Eulina está de luto”, escreveu a direção no Instagram. As aulas serão retomadas normalmente nesta quarta-feira (29).

Texto: Zahyra Mattar | Notisul, com informações de Cleber Latrônico, do Portal A Hora

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul