Gustavo Ferreira Cunha tem 15 anos e uma habilidade fantástica para o desenho. Diagnosticado autista aos 8 anos, o desenho vem ajudando Gustavo a se desenvolver mais e melhorar seu rendimento na escola. A perfeição dos traços do garoto é impressionante!

Gustavo adora desenhar retratos, objetos e animais. A família conta que ele começou a pintar e desenhar aos 4 anos, mas só recentemente é que a arte passou a ser encarada como uma terapia e, mais do que isso, como uma expressão do artista que é Gustavo.

Tudo isso ficou mais forte depois que ele passou a fazer um curso de desenho. “Ele já vai para a escola falando no curso. Nós encontramos alívio nessa habilidade dele, pois quando ele desenha, ele se conecta com o mundo interior dele, ele busca superar limites”, disse a irmã Marina Cunha.

As gravuras são perfeitas e bem realistas. “Quando eu desenho sinto alívio, alegria, descontração e eu me expresso através da arte porque isso me ajuda muito, mas muito mesmo, ajuda com as minhas emoções, minhas felicidades e na minha ansiedade”, disse Gustavo.

Com acompanhamento psicológico e terapêutico, ele conseguiu se firmar na escola como aluno regular e passou a obter ótimas notas. Em algumas disciplinas Gustavo tem reforço e acompanhamento pessoal, mas segundo a família é a arte que definitivamente o tem ajudado a avançar nos aspectos da cognição e interação.

Um dos sonhos dele é que seu trabalho seja amplamente divulgado. Então, compartilha aí para que o Guga, esse autista artista, possa espalhar sua arte por todos os lugares.