Tubarão

Débora Araújo e Túlio Fernandes, ex-alunos do Colégio Dehon, Unisul Tubarão, estão em cena no Espetáculo Adolescer, peça gaúcha que explora assuntos adolescentes, maduros e impactantes. Formados nos anos 2013 e 2014, respectivamente, ambos participavam da Companhia Encena Dehon, festival de teatro que surgiu há aproximadamente dez anos, desenvolvidos por três professoras: Carla Saul Garcia Marcelino, Edilene Maccari e Adriana Brasil.

Coordenado pela professora de teatro Carla, a companhia começou com 30 alunos e atualmente está com 150 alunos e ex-alunos. A coordenadora conta que ficou bastante em contato com os ex-alunos e acabou incentivando a parte de criação e personagem.

“Eu penso que o Encena influenciou eles nesse sentido, primeiro na questão da disciplina, que é importantíssima para o teatro. Não só a questão de horário, mas com o corpo, a mente e os próprios estudos”, lembra.

Túlio faz parte da turma desde o nascimento do festival, quando tinha 6 anos. De acordo com Carla, tudo o que ele aprendeu foi com o Encena.

Ele, agora com 20 anos, conta que foi a partir de 2015 que começou a procurar especializações. “A partir de 2015 procurei cursos e workshops profissionalizantes na área do teatro e hoje sou ator profissional na Companhia Dejà-vu. O Encena Dehon me ajudou a ter todas as bases do teatro e principalmente me apaixonar por esta arte tão pura”, conta.

Já Débora começou a participar com 12 anos e atualmente, também com 20, enfatiza que a companhia colaborou para que ela pudesse acreditar em si mesma. “É uma felicidade muito grande estar onde estou, é um sonho que parecia distante e se tornou realidade. A Companhia Encena Dehon me deu todas as bases técnicas de teatro. É uma companhia que leva a sério o que faz. Entrei nesse universo para perder a vergonha e acabei me apaixonando. O Encena me encorajou a acreditar em mim mesma e não desistir”.

Sabendo que os atores estão no seu melhor auge, Carla lembra dos alunos orgulhosa. “Fico muito feliz, eles são muito privilegiados porque tiveram uma oportunidade e souberam aproveitar na hora certa, além de utilizar tudo aquilo que aprenderam com a gente”.

Publicada às 8h38min desta quarta-feira (29/03/17)