Yuri Ramos é um dos únicos profissionais da região que participará do evento nacional que será sediado pelo Tribunal de Justiça do Estado.

Tubarão

Nesta semana, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina sediará o evento que pretende reunir representantes de 26 Estados da Federação para debater a adequação dos órgãos públicos ao eSocial. O Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) foi instituído pelo Decreto Presidencial n. 8.373, de 11 de dezembro de 2014, e, em síntese, consiste na criação de um repositório nacional com informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas de todos os empregados e empregadores do país.

Entre os palestrantes e convidados de todo o país, está o tubaronense Yuri Ramos. Diretor Presidente da Luzems Soluções Empresariais, o administrador é um dos únicos profissionais na região que trabalha com a implantação, desenvolvimento e assessoria de adequação ao eSocial.

“O eSocial é uma obrigatoriedade que irá colaborar no desenvolvimento e transparência das empresas, possibilitando o desenvolvimento de seus processos internos. Estão obrigados a prestar informações ao eSocial todos os empregadores, mesmo sem empregados, microempreendedores individuais (MEI), órgãos públicos e segurados especiais”, destaca o administrador.

Em razão do prazo estabelecido para sua obrigatoriedade, fixado em 1º de janeiro de 2018, e em virtude da complexidade do projeto, que invariavelmente trará impactos em procedimentos internos, normatizações e sistemas de informação, os órgãos têm criado grupos de trabalho para orientar as ações internas, e muitas dúvidas surgem. Por esse motivo, as 480 vagas disponibilizadas esgotaram-se em pouco tempo, mesmo com duas semanas de antecedência ao evento.

Entre os nomes de peso estão Eduardo Tanaka, Cláudio Maia e Daniel Belmiro da Receita Federal do Brasil, Meire Cássia Alves do INSS, Orion Oliveira do Departamento de Políticas de Saúde e Segurança Ocupacional da Secretaria Previdenciária, Margarida Barreto de Almeida e Luiz Antonio Medeiros Ministério do Trabalho e Emprego e Antonio Villaschi do Serpro – Serviço Federal de Processamento de Dados. O tubaronense representa a região Sul de Santa Catarina convidado para o evento que acontece hoje, amanhã e quinta-feira no auditório do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, em Florianópolis.

Foto: Fogaça Comunicação/Divulgação/Notisul