Marcio Vieira Junior é formado em marketing pela Unisul e idealizador do Limesoft Brian  -  Foto:Unisul/Divulgação/Notisul
Marcio Vieira Junior é formado em marketing pela Unisul e idealizador do Limesoft Brian - Foto:Unisul/Divulgação/Notisul

 

Tubarão
 
Uma ideia inovadora na região deu à Limesoft, de Tubarão, a vitória no Prêmio Sinapse da Inovação 2011, promovido pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação (Fapesc) e pelo Sebrae.
 
A empresa, incubada no Centro Regional de Inovação e Empreendedorismo (Crie) da Unisul, receberá R$ 50 mil para dar continuidade ao projeto ‘Limesoft Brian’. A ideia consiste na utilização de um dispositivo que capta sinais do cérebro e dos olhos, e os convertem em comandos no computador.
 
O objetivo é promover a inclusão de crianças e adultos especiais no ambiente escolar e no mercado de trabalho, respectivamente. “Esse prêmio foi muito importante porque aumentou a confiança da equipe e, certamente, vai nos auxiliar na captação de mais investimentos”, avalia o idealizador da Limesoft, Marcio Vieira Junior.
 
Para finalizar o produto, é preciso captar mais R$ 150 mil. O Limesoft Brian é desenvolvido desde janeiro do ano passado. Agora, o trabalho consiste em fazer o protótipo da tecnologia e organizar a empresa para comercializar o produto, que deve estar totalmente finalizado em até sete meses. 
 
A intenção é produzir, inicialmente, 500 unidades. O valor ainda não foi definido, mas deve girar em torno de R$ 800,00. “Tentamos baratear o máximo possível para tornar o produto mais acessível”, destaca Marcio.