Após uma semana de conflitos, o Delegado Waldir (GO) decidiu nesta segunda-feira (21) entregar o cargo de líder do PSL na Câmara dos Deputados. O anúncio foi feito por meio de um vídeo divulgado pela assessoria de imprensa do parlamentar. 

“Aceitamos democraticamente uma lista que foi feita por parlamentares”, afirmou Waldir, acrescentando que estará “à disposição do novo líder para, de forma transparente, passar toda a liderança do PSL”.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (SP) já foi confirmando como novo líder. Seu nome foi oficializado no site da Câmara após deputados da ala bolsonarista do PSL terem apresentado uma nova lista para nomeá-lo.

Na gravação, Waldir afirma, ainda, que a sigla voltou atrás e não vai mais suspender os cinco parlamentares, aliados ao presidente Jair Bolsonaro, que foram afastados na semana passada. São eles: Carla Zambelli (SP), Alê Silva (MG), Filipe Barros (PR), Carlos Jordy (RJ) e Bibo Nunes (RS).

Foto: Agência Câmara/Reuters/Montagem/EXAME