#pracegover Na foto, as gêmeas abraçadas logo após o parto
Foto: Bruna Costa/ Divulgação

Uma cena incomum durante um parto de gêmeas chamou a atenção da equipe médica e emocionou a todos: Liz e Beatriz estavam em placentas diferentes durante a gestação e ao nascer se abraçaram ao serem colocadas juntas.

A mãe das meninas, Luana Guimarães estava com 37 semanas quando as gêmeas nasceram.  O nascimento foi nesta semana em Balneário Camboriú e foi registrado pela fotógrafa Bruna Costa.

A história foi contada pelo jornal ND Online e já ganhou o coração dos catarinenses. Liz nasceu primeiro e abraçou Beatriz assim que ela saiu do útero. “Vai ser tão especial quando elas verem esse momento, no futuro”, disse a fotógrafa ao ND Online.

Luana é casada com Augusto e mãe de outros três filhos: Samuel, Ester e a pequena Mariah, a família veio do Rio Grande do Sul para morar em Balneário Camboriú. Ao ND Online, Luana diz que ela e o marido sempre pensaram em ter uma família grande, inclusive planejavam o quarto filho para nascer este ano. Só não esperavam que mais um além da conta!

“Já estou sentindo como é ser mãe de gêmeas, vamos ver como será assim que chegar em casa. Creio que a adaptação será tranquila mais com meus dois mais velhos, e um pouco mais difícil com a mais novinha”, disse a mãe ao ND Online.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul