Cíntia Abreu
Tubarão

No inverno, é comum a ocorrência de doenças respiratórias, como bronquite, rinite e a própria gripe. O clima inconstante é o vilão da vez. Apesar de o tempo ser considerado bom em virtude do aparecimento do sol, a variação da temperatura no decorrer do dia influencia diretamente na saúde.
Há muitos mitos quando o assunto é prevenir-se contra a gripe. Ingerir vitamina C todos os dias é um deles. “Não há comprovação científica que a vitamina auxilie no combate contra a gripe”, desmistifica o cirurgião-geral Ulysses Messias da Silva (foto), médico do Centro de Referência Humaitá.

A forma de se vestir é outro fator que contribui para o surgimento de alergias e gripes. Sair de casa muito agasalhado e enfrentar diferentes temperaturas em um curto espaço de tempo faz com que a imunidade do corpo baixe. “A pessoa que sai de casa cedo com muitos casacos suará mais em dias como hoje (ontem), por exemplo. Com isto, o sistema imunológico fica mais lento, porque tenta acostumar-se com a atual temperatura do ambiente”, orienta o médico.

A operadora de telemarketing Daiane Campos é um exemplo. Precisa estar no trabalho às 8 horas. Quando sai de casa, ainda é gelado. “É frio demais de manhã. Meio-dia, já é verão. É o dia todo tirando e colocando blusa, cachecol”, conta Daiane, bem humorada.
O médico Ulysses ensina que gripes e alergias podem ser amenizadas com uma boa alimentação. “Não ficar em jejum por muitas horas é a principal regra. Estar bem descansado também, pois a taxa de hormônio do estresse contribui com a baixa resistência do organismo”, acrescenta Ulysses.