Rafael Andrade

Tubarão

Marco Aurélio Venâncio, natural de Tubarão e morador do bairro Fábio Silva, é um dos voluntários mais atuantes da Cidade Azul. Sempre preocupado com o próximo, criou o Projeto ‘Amigos do Bem’, que angaria cestas básicas e chocolates para doação em época natalina e consultas médicas em clínicas particulares durante o ano, tudo voltado a famílias de baixa renda do município.

O hoje amigo do próximo já precisou de ajuda quando criança. “Nasci cego devido a uma catarata congênita nas duas vistas. Fui enxergar somente aos 9 anos após uma cirurgia, e somente de um olho. Dali em diante, minha vida mudou e, aos 14 anos, fiz uma promessa que seria um voluntário e me dedicaria toda a semana para isso”, recorda Marco Aurélio.

Quando adulto, decidiu correr atrás de doações um dia por semana, e assim faz. Hoje, aos 42 anos, o menino que nasceu cego e se tornou um homem do bem, enxerga a vida com muito otimismo e bom-humor. “Tento alegrar um pouco o Natal e minimizar as dificuldades com saúde de famílias pobres. Com ajuda de muito amigos, parceiros, médicos e de pessoas estranhas, venho conseguindo levar um pouco mais de dignidade e sorriso ao próximo, principalmente às crianças”, eleva o voluntário.

A 7ª edição do ‘Natal Amigos do Bem’ já está com a janela de doações abertas. Quem quiser participar e ajudar pode entrar em contato com Marco Aurélio por meio dos telefones (48) 98484-6619 ou (48) 99966-1090. A namorada dele também o ajuda a entregar as doações há cerca de cinco anos.

A 6ª edição da ação beneficente ocorreu no último dia 18 de dezembro, quando foram distribuídas 40 caixas de chocolate e várias cestas básicas, além de agendamentos para consultas médicas. No ato de distribuição, Marco Aurélio, apesar do corpo alto e sem barriga, faz questão de se vestir de Papai Noel para garantir o sorriso da criançada.