Walmor da Silva de 62 anos que teve o corpo queimado e o carro roubado em Curtitibanos, no domingo (30) morreu nesta quarta-feira (2), informou o Hospital Hélio Anjos Ortiz. Ele estava internado com 90% de queimaduras pelo corpo.

O homem foi abordado por criminosos enquanto trocava um pneu no domingo na BR-470, em Pouso Redondo, no Vale do Itajaí, segundo informações dos bombeiros. Os suspeitos levaram a vítima até a SC-120 em Curitibanos, onde jogaram gasolina e atearam fogo no corpo do homem.

Três pessoas foram presas ainda no domingo em Lebon Régis, no Oeste catarinense, por suspeita do crime. Segundo o delegado Diones Freitas, da Delegacia de Lebon Régis, eles permanecem detidos nesta quarta-feira (2), já que na audiência de custódia foi convertida a prisão em preventiva.

A motivação do crime ainda não foi esclarecida.