Em uma live hoje (7) no início da noite, o prefeito de Imbituba, Rosenvaldo Júnior, anunciou o novo decreto assinado nesta sexta-feira com flexibilização de horários em algumas restrições.

“Nossa situação continua em risco potencial grave. Há duas semanas estávamos em estado gravíssimo. Não pioramos, mas ainda é bastante preocupante. Precisamos dos cuidados de todos para que não tenhamos o agravamento da epidemia. Em virtude de não termos o agravamento, mantemos o nível de restrições do decreto que está vigente, mas com algumas flexibilizações de horários”, afirmou.

A cidade registrou hoje 52 novos casos de Covid-19.

Novas mudanças no decreto:

  • O funcionamento dos bares e similares passa a ser permitido também nos sábados até as 18h.
  • O comércio passa a funcionar de segunda a sábado até as 18h, isso inclui amanhã, véspera do Dia dos Pais. Conforme o prefeito, sabe-se que a movimentação será maior, então o horário amanhã será estendido, o que garante uma diminuição das aglomerações.
  • Além disso, passa a ser permitido o funcionamento de cursos profissionalizantes para alunos acima de 14 anos – isso claro com todos os cuidados necessários de segurança, a questão de distanciamento e álcool gel.
  • Outro ponto que passará por mudanças é a circulação nas praias do município. A partir de segunda-feira (10) fica permitida a circulação de pessoas em faixa de areia, bem como as práticas de esportes individuais, esportes náuticos, e pesca artesanal em praias, rios, lagoas e cachoeiras. Fica proibida a prática de esportes coletivos, a permanência e aglomeração de pessoas. Amanhã e domingo continua valendo o decreto anterior.

Obras da UTI estão em ritmo acelerado
Rosenvaldo informou que as obras da UTI do Hospital São Camilo estão em ritmo acelerado. “Trabalhamos bastante essa semana na questão da UTI, na liberação de recursos, na vistoria das obras que estão acontecendo já para a adequação do espaço e na compra dos aparelhos”.

As obras são conduzidas pelo próprio hospital. O município fez um repasse de R$ 200 mil para essas adequações. O Legislativo aprovou o repasse desses recursos para o hospital, que é a devolução aos cofres do município do que sobrou, o chamado duodécimo.

Os equipamentos também estão com a compra efetivada. “A perspectiva é que tenhamos no mês de setembro a UTI em funcionamento. Já está sendo feita pelo hospital a contratação de profissionais para esse fim, são 29 novas contratações”, destacou Rosenvaldo.

“Estamos caminhando a passos largos para o quanto antes darmos essa segurança para a população de Imbituba e região. Fica claro que a UTI será habilitada para o SUS, obviamente não somente para os pacientes da cidade, mas havendo vaga, atenderemos pacientes de outros municípios”, concluiu.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul