#Pracegover Foto: na imagem há um edifício com janelas, porta e escadas
#Pracegover Foto: na imagem há um edifício com janelas, porta e escadas
A pandemia de covid-19 mudou a dinâmica nos hospitais de Santa Catarina, as mudanças também ocorreram em diversos setores de saúde. Em Tubarão, por exemplo, as unidades de saúde precisaram se adequar com a crescente procura de atendimento de casos suspeitos e confirmados do coronavírus.
Para dar conta de toda a demanda, no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), profissionais serão remanejados para outros setores. Em nota, a direção da entidade apresentou um comunicado de plano de emergência. “O Hospital Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão, comunica que, devido ao elevado número de casos de COVID-19, sendo que muitos deles têm evoluído para o estado grave, houve um aumento expressivo das internações hospitalares e dos recursos de terapia intensiva, o que o deixa muito próximo do esgotamento de seus recursos (humanos, insumos e equipamentos). Frente a esse cenário, hoje, a instituição está tomando medidas emergenciais, com o remanejamento dos profissionais do Pronto Atendimento para atuação na última unidade disponível para internação por COVID-19. Com isso, os atendimentos passam a ser realizados no setor de EMERGÊNCIA”, pontua.
A mudança deverá ser temporária e é feita seguindo a necessidade atual. “As autoridades competentes já foram comunicadas sobre a situação atual do HNSC quanto às medidas de enfrentamento tomadas. Neste momento, rogamos a colaboração de toda comunidade para manter as medidas de segurança e incorporar as práticas de cuidado como o uso de máscara, a higienização das mãos e a manutenção do distanciamento social”, finaliza a nota.
A Cidade Azul já chegou a marca de 17.168 mil casos da Covid-19 e soma 241 óbitos em decorrência da doença. Há 16.126 mil pacientes curados da infecção, 413 casos suspeitos, 49 clientes em enfermaria e 32 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Além disso, foram diagnosticados nas últimas 24h um total de 230 pessoas com a doença, há atualmente 801 pacientes ativos com a infecção  e 18 pessoas aguardam leitos de UTI.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul