Menos de três meses após iniciado o canteiro de obras da nova ponte sobre o Rio Tubarão – que ligará as ruas Uruguai (margem direita) e Padre Nóbrega (margem esquerda) – 50% do conjunto de colunas e de apoios da estrutura estão concluídos. Dos cinco conjuntos em construção no leito do rio, um está em fase de acabamento e os demais têm trabalhos de concretagem bastante adiantados.

O apoio da cabeceira da margem direita foi o primeiro a ficar pronto. Na margem esquerda, o estaqueamento terminou nesta semana e a base do apoio está pronta para ser concretada. Os trabalhos mais visíveis, e também impressionantes, estão concentrados na parte do leito do rio.

Para iniciar a fixação das estacas e a construção dos apoios foi necessário, antes de tudo, fazer o aterro hidráulico para a passagem de máquinas, de caminhões e dos operários. E em menos de 90 dias a empresa responsável pelas obras ergueu três conjuntos de colunas, cada um com quatro pilares, e outros dois em fase inicial de concretagem.

As primeiras vigas longarinas que darão forma à travessia também já estão em Tubarão. As peças pré-moldadas fabricadas na sede da empresa em Erechim (RS) estão no terreno do antigo ginásio Otto Feuerschuette, próximo do canteiro de obras.

A nova ponte terá comprimento de 142 metros, 23,65 metros de largura, quatro pistas, canteiro central e espaços para pedestres e ciclistas, nos dois lados. A obra custará R$ 9.166.995,87.

Entre no nosso grupo do telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/Notisul