Parte dos resíduos que são coletados em Laguna passa por seleção na empresa Louber Ambiental  -  Foto::Banco de Imagens/Notisul
Parte dos resíduos que são coletados em Laguna passa por seleção na empresa Louber Ambiental - Foto::Banco de Imagens/Notisul

Laguna

Pelo menos hoje, os moradores de Laguna ficarão sem coleta de lixo. A falta de pagamento de uma parcela de uma dívida com a empresa responsável é o motivo do impasse, que pode levar a população à porta da prefeitura, em ato de protesto.

O anúncio oficial da empresa Louber, de Pescaria Brava, nas redes sociais, teve repercussão imediata entre internautas, que combinam de levar o lixo para a porta da administração. Na nota, a Louber lamenta a decisão e diz que retomará o trabalho assim que a parcela for quitada.

É o que deve ocorrer hoje, segundo o secretário da Fazenda, Administração e Serviços Públicos, Henio Marcelino Cardoso.  “Eu me comprometi de pagar esta parcela hoje (ontem), mas tive um problema de ordem financeira e não consegui. Mas amanhã (hoje), na qualidade de secretário, faremos o esforço máximo para resolver essa situação. Eu acredito que até as 13 horas estará resolvido”, garantiu.

Conforme Henio, a dívida é referente a 2016 e faz parte de uma negociação de aproximadamente R$ 400 mil. A parcela atrasada é de R$ 50 mil.C