Foto: Liliane Dias/Notisul

Os vereadores de Tubarão aprovaram em segunda votação o Projeto de Emenda à Lei Orgânica que prevê a redução do número de vereadores, de 17 para 15.  Ao todo 13 vereadores foram favoráveis e 3 foram contra. Apenas 1 vereador não participou da sessão.

O Projeto é de autoria do vereador João Gonçalves Fernandes que não falou em valores reais sobre economia. Mas garante que inicialmente os gastos a menos serão de dois gabinetes que conta com vereadores e assessores parlamentar.

“A Câmara entendeu que a cidade não precisa de 17 vereadores. É só olhar as cidades maiores que a nossa onde a quantidade de vereadores é menor e funciona muito bem”, disse João Fernandes.

Os vereadores que votaram contrários disseram que a redução não tem relação com economia orçamentária, e sim fere o direito de representatividade das comunidades.

“Vamos perceber o peso desta decisão nos próximos dias. A história vai mostrar se foi acerto ou se foi erro, mas quem perde é a população que tem menos representatividade na câmara”, disse Paulo Henrique Lúcio, que pediu vistas do projeto mas os vereadores não acataram.

Os tubaronenses acompanharam a sessão pelo Facebook e pelos comentários se manifestaram contrários à redução do número de vereadores. Alguns pediam a redução do salário dos edis e outros até pediram um plebiscito para que a população decidisse.

Veja como votaram os vereadores:

Alexandre Moraes – Sim
Carlos Alexandre das Neves – Sim
Douglas Martins Antunes – Sim
Eraldo Pereira da Silva- Sim
Evaldo Gonçalves dos Santos – Sim
Gelson Bento- Sim
Gilmar Negro Machado- Sim
Gilson Paes Vieira – Sim
Jairo Cascaes- Sim
João Fernandes- Sim
Júlio César Rodrigues – Sim
Luiz Gonzaga dos Reis – Sim
Moisés Nunes- Sim
Paulo Henrique Lúcio – Não
Dorli Fernandes Rufino – Não
José Luiz Tancredo – Não
Dalton Marcon não participou da sessão