Laguna

Caso a prefeitura de Laguna não adote nenhuma medida emergencial a fim de minimizar o problema gerado pelo abandono de animais no município, a Sociedade de Proteção dos Animais (Solpra) acionará o Ministério Público (MP). O prazo dado é de 30 dias.
Ontem, um abaixoassinado subescrito por mais de duas pessoas foi entregue à secretária de saúde da prefeitura, Tanara Cidade de Souza, e para o secretário de governo, Jeferson Crippa.

O vereador Eduardo Nacif Carneiro (PP), também presente, explica que a necessidade de implementar ações para solucionar a questão em torno dos animais de ruas é urgente no município.

“Fomos cobrar as informações referentes ao projeto da clínica veterinária e, principalmente, em relação ao prazo de execução. Também reivindicamos ao poder público uma medida paliativa enquanto a clínica não estiver em funcionando”, detalha Dudu Carneiro.

A secretária salienta que a clínica levará, no mínimo, seis meses para ficar pronta. Isto porque a regularização da área, a licitação e a efetiva execução da obra obedecem leis e prazos. A comissão cobra uma medida emergencial, porque o número de animais abandonados aumentará em seis meses, se não houver nenhuma ação, como a castração dos animais. “Com esta reprodução desenfreada, há risco à saúde pública”, pontua o vereador.