O voo da TAP que iria de Stuttgart, na Alemanha, para Lisboa, em Portugal, foi impedido de decolar pelas autoridades alemãs, pois o copiloto estava embriagado.

O profissional, de 40 anos, já tinha iniciado os preparativos para o voo TP523, na noite de sexta-feira (23), quando um funcionário do aeroporto comunicou à polícia que ele caminhava de forma estranha e cheirava a álcool.

Depois que toda a tripulação já estava a postos, foi constatado que o copiloto apresentava claros sinais de embriaguez. O voo foi imediatamente cancelado e o copiloto foi detido, teve sua licença suspensa e terá que pagar uma fiança de 10 mil euros (o equivalente a 40 mil reais).

Os 106 passageiros foram levados para um hotel.

“A companhia abrirá um processo de inquérito interno e atuará em conformidade, tomando as medidas necessárias e consequentes, e pede desde já desculpas aos passageiros pelo transtorno provocado”