#Pracegover Foto: na imagem há medicamentos em prateleiras e uma pessoa com uma cesta de medicações
#Pracegover Foto: na imagem há medicamentos em prateleiras e uma pessoa com uma cesta de medicações

Com o intuito de debater sobre os prós e contras da utilização dos medicamentos utilizados para o tratamento precoce da covid-19, a Câmara de Imbituba, fará próxima terça-feira (6), uma audiência pública, a partir das 19 horas.

A intenção é colocar médicos contrários e favoráveis ao tratamento frente a frente para falarem sobre o tema. Assim poderão expor seus pontos de vistas, dando explicações e relatando suas experiências.

Segundo, o Presidente da Câmara, Vereador Humberto Carlos dos Santos, a ideia é que a Câmara realize a mediação do debate que deve acontecer com a participação do prefeito Rosenvaldo da Silva Júnior, da Secretária Municipal de Saúde, médicos especialistas, médicos com atuação no município de Imbituba, e a sociedade civil.

De acordo com o Requerimento nº 023/2021 que deu origem à Audiência Pública, “a Covid-19 é uma doença cercada por incógnitas, no entanto, na condição de representantes do povo, precisamos buscar incessantemente respostas e as respostas, neste momento, devem ser buscadas junto aqueles que possuem competência para isto, nossos médicos.”

Ainda, nos termos do Requerimento, a Audiência Pública servirá para discutir a eficácia de tratamentos preventivos e precoces, não somente para buscar soluções, mas também para esclarecer a população, acerca do tema.

A audiência pública será transmitida ao vivo pelo Portal da Câmara de Imbituba, através da “TV Legislativa” (https://www.imbituba.sc.leg.br), e pelos canais da Câmara de Imbituba no YouTube (https://www.youtube.com/channel/UCi48vGd8cOFXuEG6x-ipHhg/videos) e Facebook (https://www.facebook.com/CamaraDeImbituba/).

Para possibilitar a participação do público na Audiência Pública, durante a transmissão da Audiência, a Câmara disponibilizará um número de telefone WhatsApp, para que os cidadãos possam encaminhar seus questionamentos acerca do assunto tratado, não podendo as perguntas saírem do tema da reunião.

 

Fonte: CMI

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul