Um homem foragido da justiça de Lagoa de Itaenga (PE), foi preso nesta terça-feira (20), em São Joaquim. De acordo com as informações, a ação conjunta feita pelos Policiais Civis da cidade pernambucana e da catarinense, terminou na captura de Eduardo Edmilson da Silva, popular “Urêia”.

O indivíduo tinha um Mandado de Prisão Preventiva em aberto. Ele é acusado de junto com outras duas pessoas, identificadas como Anderson e Luciano, este último já preso desde o dia 16 de dezembro de 2017, do assassinato de João de Arruda Venâncio, conhecido por “Venceslau”, no dia 8 de dezembro de 2017.

Ainda segundo a Polícia Civil, as investigações policiais apontam que os autores queriam roubar um revólver da vítima, que cometia crimes na cidade e andava se exibindo numa comunidade rural de Lagoa de Itaenga. O assassinato ocorreu com requintes de crueldade, onde a vítima teve os membros decepados e cabeça esmagada por uma pedra. 

Após o crime, os supostos autores Eduardo e Anderson foram para a cidade de São Joaquim em Santa Catarina, com o argumento de trabalharem na colheita de maçãs daquele município.